PLACAR

Após reclamar da chave, Rybakina desiste de Tóquio

Foto: WTA

Tóquio (Japão) – Uma das principais estrelas no WTA 500 de Tóquio, a cazaque Elena Rybakina desistiu da competição nesta segunda-feira, mas mesmo sem pisar em quadra, ela teve uma movimentada passagem pela capital japonesa, reclamando do chaveamento do torneio.

Embora fosse a cabeça de chave 3 no torneio, ela não figurou entre as quatro jogadoras que entrariam direto na segunda rodada, uma vez que a grega Maria Sakkari e a francesa Caroline Garcia ganharam “byes por desempenho” por terem ido longe no WTA 1000 de Guadalajara.

“Obrigada por mudarem as regras de última hora. Ótima decisão, como sempre essa da WTA”, disparou Rybakina nas redes sociais ao ver que as cabeças de chave 4 e 5 entrariam direto na segunda rodada enquanto ela teria que jogar a primeira rodada, sem receber o mesmo benefício.

Rybakina enfrentaria a tcheca Linda Noskova na rodada inicial, mas com sua desistência será substituída pela tenista da casa Himeno Sakatsume, que entrou como lucky-loser.

“Lamento muito ter que me retirar de Tóquio este ano. Eu realmente queria jogar o evento e adoro a cidade. Tenho que priorizar minha saúde e minha condição física e preciso de tempo para chegar a 100% de saúde”, afirmou a cazaque, que não joga desde a eliminação na terceira rodada do US Open.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Nadal leva público italiano ao delírio com incrível reação

Conheça o que aconteceu nos bastidores do WTA 100 de Madri

PUBLICIDADE