PLACAR

Andreeva sai do buraco, salva match-point e avança

Mirra Andreeva (Foto: Tennis Australia)

Melbourne (Austrália) – Responsável por uma das grandes surpresas deste Australian Open, arrasando a tunisiana Ons Jabeur na segunda rodada, a jovem russa Mirra Andreeva por pouco não foi eliminada na rodada seguinte. Porém, a tenista de apenas 16 anos mostrou força e saiu do buraco para vencer a francesa Diane Parry de virada, com parciais de 1/6, 6/1 e 7/6 (10-5).

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no whatsapp

Dominada no primeiro set, no qual venceu apenas 10 pontos de saque e 6 com a devolução, amargando três quebras para perder por 6/1, Andreeva reverteu a situação no segundo, em que perdeu apenas 13 pontos e venceu 76% com o saque e 58% nas devoluções. Com o mesmo placar da parcial anterior, só que desta vez a seu favor, ela empatou o jogo.

No terceiro e decisivo set, a russa flertou com a eliminação, sofreu duas quebras e viu Parry abrir 5/1, quando iniciou uma incrível reação. Andreeva devolveu o primeiro break no sétimo game, salvou um match-point com o saque no oitavo e devolveu o segundo break no nono, para depois anotar nova quebra e sacar em 6/5. Parry até bateu o saque da rival para forçar o tiebreak, mas acabou derrotada.

Com apenas 16 anos e fazendo sua estreia no Australian Open, Andreeva está a uma vitória de superar sua melhor campanha em Grand Slam, as oitavas de Wimbledon no ano passado. Para isso, ela terá que superar a vencedora do confronto entre a tcheca Barbora Krejcikova e a tenista da casa Storm Hunter, vinda do qualificatório.

4 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Bukele
Bukele
1 mês atrás

Virada monstruosa. Essa garota vai ser top 10 fácil

Paulo A.
Paulo A.
1 mês atrás

O interessante é que no ano passado ela foi finalista no juvenil – e perdeu! Menos de um.ano depois, é uma das revelações entre as pro e já é top50! Fenomenal a russinha…

Rebeca
Rebeca
1 mês atrás

Que pegada dessa menina! A teenager vai pra cima, e continua mostrando a que veio! Não importa a oponente, Andreeva vai deixando sua marca inclusive nos torneios de grande porte . . . Sabalenka e Gauf estão castigando a amarelinha, fazendo valer o “top 4” . . . até aqui, as melhores em quadra, mas é ótimo ver a evolução dessas meninas, ótimo pra WTA, renovação!

Fabio
Fabio
1 mês atrás

Ela vem vindo hein..

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Bopanna entra para a história do tênis aos 43 anos

A emoção de Hsieh e Mertens com o novo título de Slam

PUBLICIDADE