PLACAR

Além de Boulter e De Minaur, veja outros casais do top 100

Foto: Mike Hewitt/Getty Images (ATP Tour)

San Diego (EUA) – Campeões do WTA 500 de San Diego e do ATP 500 de Acapulco, respectivamente, no último fim de semana, a britânica Katie Boulter e o australiano Alex de Minaur são o grande casal do momento no circuito mundial.

Além do relacionamento em si, que vai muito bem, aliás, os dois vivem a melhor fase de suas carreiras. Enquanto Boulter faturou o seu segundo e maior título, atingindo o top 30 do ranking pela primeira vez com a 27ª colocação, De Minaur obteve o bicampeonato no México, igualando sua maior conquista, e de quebra se manteve no top 10, apenas uma posição abaixo do seu recorde pessoal.

No entanto, os dois não são o único casal de sucesso no tênis. Atualmente, há pelo menos outras cinco duplas de tenistas figurando no top 100 (ou que já estiveram por ali em algum momento). Confira.

Paula Badosa e Stefanos Tsitsipas
Um dos casais mais famosos do momento apareceu junto publicamente pela primeira vez em junho de 2023. Hoje na 73ª colocação do ranking, Badosa ainda figurava no top 40 naquela época, mas já vinha lidando com diversos problemas físicos. A espanhola, no entanto, viveu sua melhor fase nas duas temporadas anteriores, faturando o maior título da carreira em Indian Wells em 2021 e alcançando a vice-liderança da WTA em abril de 2022.

Já o grego também não vive seus melhores momentos, e em fevereiro saiu do top 10 pela primeira vez em quatro anos. Ex-número 3 do mundo e finalista de dois Grand Slam, ele não levanta um troféu desde agosto do ano passado, em Los Cabos.

Elina Svitolina e Gael Monfils
O namoro que começou no fim de 2018 e teve uma pequena pausa de dois meses em 2021, virou casamento. Mais do que isso, Elina Svitolina e Gael Monfils são hoje pais da pequena Skai, de um ano e meio de idade. Mesmo assim, os dois seguem firmes no circuito. Enquanto o francês parece caminhar para a reta final da carreira, a ucraniana vem obtendo grandes resultados após a maternidade.

Ex-número 3 do mundo e medalhista olímpica de bronze em Tóquio, Svitolina ficou parada por seis meses para dàr a luz, mas em poucas semanas após seu retorno já faturou o título do WTA 500 de Estrasburgo, fez quartas em Roland Garros e semi em Wimbledon. Hoje, ela ocupa a 17ª colocação. Por sua vez, o marido de 37 anos já foi o sexto do ranking e hoje aparece no 54º lugar. Seu título mais recente aconteceu no ATP 250 de Estocolmo em outubro.

Anastasia Potapova e Alexander Shevchenko
Mais um casal do mundo do tênis oficialmente unido. Os russos Anastasia Potapova e Alexander Shevchenko (atualmente naturalizado cazaque) se casaram em dezembro de 2023 após cerca de 11 meses de namoro. Desde que passaram a se relacionar, ambos tiveram também uma grande evolução dentro de quadra, alcançando alguns dos melhores resultados de suas carreiras.

Potapova iniciou a temporada passada na 43ª colocação do ranking, venceu em fevereiro seu segundo título na elite do circuito, no WTA 250 de Linz, e chegou ao 21º posto em junho, naquela que foi sua melhor marca. Hoje ela ocupa o 33º lugar. Por sua vez, Shevchenko começou 2023 na modesta 154ª colocação e terminou dentro do top 50 após faturar dois challengers e fazer em Metz sua primeira final de ATP. Em janeiro deste ano alcançou o 45º posto e é atual 51º.

Madison Keys e Bjorn Fratangelo
Os dois estadunidenses formam um dos casais mais antigos do circuito na atualidade, já que estão juntos desde 2017. Há exatamente um ano, eles anunciaram seu noivado, mas até agora mantiveram a discrição e não publicaram nada a respeito do casamento, embora apareçam juntos frequentemente.

Vice-campeã do US Open de 2017 e ex-número 7 do ranking feminino, Keys ocupa atualmente a 20ª posição da WTA e no ano passado fez quartas em Wimbledon e outra semi em Nova York, além de conquistar o título na grama de Eastbourne em junho. Por outro lado, Fratangelo é um ex-top 100 (foi 99º em 2016) que tem apenas 22 vitórias em 62 jogos na ATP e possui quatro troféus de challenger. Em Slam, nunca passou da segunda rodada em 12 participações.

Katerina Siniakova e Tomas Machac
Multicampã no circuito de duplas, com sete taças de Grand Slam e um ouro olímpico, a tcheca de 27 anos namora o compatriota, quatro anos mais novo, desde 2021. Enquanto ela ocupa a 12ª posição do ranking da especialidade e a 41ª nas simples, o companheiro é o 63º colocado na lista individual da ATP e conquistou seu primeiro título de duplas no mês passado, ao lado do chinês Zhizhen Zhang em Marselha.

1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Paulo Lude
Paulo Lude
1 mês atrás

Faltou mencionar Denis Shapovalov & Mirjan Bjorklund.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja como foi a espetacular vitória de Fonseca sobre Sonego

Nadal pode ter feito seu último jogo oficial em Barcelona

PUBLICIDADE