PLACAR

Alcaraz não desiste e acaba com sequência de Sinner em Slam

Foto: Nicolas Gouhier / FFT

Paris (França) – Principal nome do circuito neste primeiro semestre, o italiano Jannik Sinner viu ruir sua grande sequência em Grand Slam nesta sexta-feira. Campeão do Australian Open, ele tinha 12 vitórias seguidas até cruzar com Carlos Alcaraz na semi de Roland Garros. O espanhol mostrou resiliênciam chegou a estar atrás por 2/6 e 0/2, mas reagiu e, após 4h09, conquistou grande virada, marcando parciais de 2/6, 6/3, 3/6, 6/4 e 6/3.

Com a vitória na semifinal mais jovem de Grand Slam desde o US Open de 2008, quando Andy Murray derrotou Rafael Nadal, o tenista de 21 anos se garantiu na decisão de Roland Garros pela primeira vez e vai em busca do terceiro troféu de Grand Slam, depois do US Open de 2022 e de Wimbledon do ano passado. Seu adversário na decisão sairá entre o alemão Alexander Zverev e o norueguês Casper Ruud.

Esta foi a sexta vitória de Alcaraz sobre Sinner no circuito, cinco delas em nível ATP e uma em challenger, contra quatro derrotas. Neste ano, os dois mediram forças na semi de Indian Wells, também com vitória do atual número 3 do mundo, que ampliou seu ótimo histórico em partidas de cinco sets, agora com 10 vitórias e apenas uma derrota.

Buscando mais a iniciativa nos pontos, o espanhol foi recompensado e terminou a partida com 26 bolas vencedoras a mais (65 a 39) e 14 erros não forçados de diferença (58 a 44). Curiosamente, Alcaraz teve aproveitamento de saque inferior ao de Sinner, com 59% contra 61%, e precisou de 14 chances para efetuar as mesmas seis quebras que teve o italiano, só que em 10 break-points.

Sinner começa muito bem

Os quatro primeiros games foram de total domínio de Sinner, que estava praticamente perfeito, conseguindo ser agressivo para encurralar Alcaraz ao mesmo tempo que não cometia erros. Assim, o italiano obteve duas quebras e abriu 4/0. Aos poucos, o espanhol foi se encontrando e conseguiu até devolver uma das quebras, mas voltou a oscilar no sétimo game e viu o rival fazer 5/2, confirmando em seguida para fechar o set.

A reação de Alcaraz no meio da primeira parcial pareceu um fato isolado quando começou a segunda, na qual o espanhol foi quebrado de cara e perdeu os dois primeiros games. Então a situação mudou. Sinner perdeu repentinamente a intensidade, passou a cometer duplas faltas e a apressar pontos. O espanhol aproveitou o momento, ficou mais sólido e ganhou quatro games seguidos. O italiano emparelhou os games finais, mas sem forças para devolver a quebra de desvantagem.

Alcaraz começou também melhor e anotou a primeira quebra para sacar em 2/1. Então se revelou a provável causa da queda de Sinner. Ele aparentemente sofria com leves cãibras na mão e nos braços. Recebeu atendimento em todas as viradas de lado e conseguiu reagir. Salvar quatro break-points no quinto game e, voltando a pressionar o espanhol, conseguiu uma suada quebra para fazer  5/2 em seguida. Sinner chegou a ganhar 73% dos pontos com devolução de segundo saque.

Partida sobe de nível

Os dois sets finais foram os de melhor qualidade, porque enfim os dois jogadores se soltaram em quadra. O equilíbrio foi a marca da quarta parcial, que se decidiu com margens mínimas. Os dois tenistas foram firmes com o saque e embora tenham enfrentado alguns games um pouco mais complicados, chegaram até a reta final sem enfrentar break-points. Sacando em 4/5 e 30-15, Sinner errou um smash nada complicado e acabou pagando caro. Alcaraz fez 30-30 e conseguiu a quebra em seguida para voltar a empatar a partida.

Alcaraz aproveitou o bom momento e saiu na frente no quinto set, abriu 3/0 e chegou a vencer cinco games em sequência, contando os dois últimos do quarto. Sinner parecia mais cansado, não conseguia mais impor um ritmo ofensivo e o espanhol variava bem as jogadas. Mesmo com a partida novamente parelha, com games disputados, Alcaraz não deu chance de quebra – o futuro número 1 mostrou irritação ao não aproveitar o sétimo game apertado – e o jogo viveu um game final tenso mas de qualidade, em que Sinner evitou dois match-points mas viu Alcaraz sacar com enorme qualidade e enfim concluir uma grande batalha.

Subscribe
Notificar
guest
77 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
DENNIS SILVA
DENNIS SILVA
5 dias atrás

Final antecipada. Os melhores jogadores atualmente. Muito acima dos demais. Qualquer um poderia ter vencido. O Alcaraz jogou demais.

Flávio
Flávio
5 dias atrás
Responder para  DENNIS SILVA

Não vi o jogo infelizmente porque estou na labuta na empresa, agora pelo resultado que acabei de ver parece que foi outro jogão entre as 2 boas rivalidades, então foi isso aí mesmo Dennis?

Alessandro
Alessandro
5 dias atrás
Responder para  DENNIS SILVA

Zverev leva essa

Joselito
Joselito
5 dias atrás

Surpreendeu um pouco. Achei que Sinner ia manter a consistência do 1o set. Mas Alcaraz subiu muito o nível e passou a errar menos.
Excelente jogo e muito disputado.

Ana
Ana
5 dias atrás
Responder para  Joselito

concordo mto

Gisele Matias
Gisele Matias
5 dias atrás

Que jogo

Luis Ricardo
Luis Ricardo
5 dias atrás

alguem vira e falara que foi um “jogaço” , não achei , foi um jogo interessante de assistir e só….muito longe dos verdadeiros duelos dos ex big4 … e o Sinner , um #1 bem meia boca, o Alcaraz logo logo toma o lugar dele..

Valentina
Valentina
5 dias atrás
Responder para  Luis Ricardo

Que bobagem que você falou amado,pois o Sinner será o número 1 merecido e é ótimo jogador e o jogo foi excelente, parece que você não viu o jogo simples assim.

Flávio
Flávio
5 dias atrás
Responder para  Valentina

Pois é moça ele é assim mesmo, e ainda teve a coragem de dizer uma piada sem lógica ao dizer em mensagens atrás que o tênis feminino é melhor este rapaz,que é um fão da polonesa que é um direito dele e de cada um, parece que vive fora da terra só pode viu kkkkkkk e ainda vem dizer que Sinner é meia boca aí não dá,né daqui a pouco ele vai dizer que a Swiatek joga mais do que Sinner vai vendo a viagem deste rapaz. kkkkkkkkkkkkk

Luis Ricardo
Luis Ricardo
5 dias atrás
Responder para  Valentina

bobagen Valentina ??….eu acho que vc nunca assistiu um Federer x Djokovic ou um Nadal x Federer ou um Djokovic x Murray , certo ?…..então procure videos no Youtube e assista , depois compare ok……. ou vc acha que o Sinner esta no mesmo nivel de um desses que mencionei ? ? se acha isso , é piada viu !!!

Neto
Neto
5 dias atrás
Responder para  Luis Ricardo

Ex big4? Não existe isso. O que existe é big4! Se esses novos conseguirem chegar perto do que os outros fizeram, que inventem um termo pra eles. Big4 é big4! O que foi feito, foi feito! Então, não existe ex big4.

Luis Ricardo
Luis Ricardo
5 dias atrás
Responder para  Neto

ex “sim” porque como tenistas dominantes que eram , não existem mais,,,,,,entaõ EX Big 4 “sim”….

Neto
Neto
4 dias atrás
Responder para  Luis Ricardo

Mas pegando a tua lógica, só pra argumentar, não existe um “novo” big4. Se sim, quem seriam?

Paulo Almeida
Paulo Almeida
5 dias atrás

Jogo mais tenso do que técnico, com muitos erros dos dois. Precisam aprender muito ainda com o GOAT de todos os esportes Djokovic.

Sinner perdeu o jogo no smash bisonho.

Eduardo
Eduardo
5 dias atrás
Responder para  Paulo Almeida

Pelo menos o smash ele já está aprendendo com o goat do tênis (e somente do tênis)…

Paulo Almeida
Paulo Almeida
5 dias atrás
Responder para  Eduardo

Alcaraz errou um pior ainda na rede, rsrs.

GOAT do tênis é um fato pra lá de consolidado e do esporte em geral em virtude dos 3 maiores da história terem disputado o posto por 14-16 anos, com o sérvio saindo vitorioso. Isso não ocorreu em nenhuma outra modalidade esportiva, homem ou mulher.

Luis Vanderley Santana
Luis Vanderley Santana
5 dias atrás

Grande jogo,vamos suspender carlitos

Ana
Ana
5 dias atrás

Final antecipada mesmo, um jogaço. Acho que o Sinner teria mais condições de ganhar do Zverev (próxima semifinal), mas o Alcaraz também merece muito. Agora é Alcaraz pro título!!!

Luis Vanderley Santana
Luis Vanderley Santana
5 dias atrás

Excelente jogo,vamos carlitos

Lion
Lion
5 dias atrás

Se nada acontecer com ele, Alcaraz ganhará 30-32 Slams na carreira. Ele não é apenas melhor do que os outros(incluindo sinner)ele é MUUUUUUUUUUUUUUUUITO melhor!

Paulo Almeida
Paulo Almeida
5 dias atrás
Responder para  Lion

Se fosse, teria vencido por fáceis 3×0. Não ganhou nem seu terceiro Slam ainda e muita gente deve surgir ao longo dos anos.

Flávio
Flávio
5 dias atrás
Responder para  Lion

Lion desculpa, aí você esta exagerando demais porque ninguém vai quebrar os recordes de Djokovic não cara, nem no tênis feminino ou masculino. Acho que Sinner, Alcaraz ou Zvere ou qualquer outros se ganhar 12 ou 15 slam é muito e será um grande marca também, e no feminino a polonesa não vai passar de 12 slam, isso é questão de lógica.

Juliano
Juliano
5 dias atrás

Zverev ganhará o título joga muito mais que os 2 no saibro

Flávio
Flávio
5 dias atrás
Responder para  Juliano

Será, eu não aposto em ninguém porque esta muito disputado o que eles estão fazendo em RG e o nível esta muito bom.

DENNIS SILVA
DENNIS SILVA
5 dias atrás
Responder para  Juliano

ÇÇÇEI.

Ricardo
Ricardo
5 dias atrás

Jogaćo!!2 craques

DENNIS SILVA
DENNIS SILVA
5 dias atrás

Tão equilibrado que Sinner fez 147 pontos e Alcaraz 145

José Alexandre
José Alexandre
5 dias atrás

Sucessor do Rei Federer indo pro terceiro Slam diferente.

Thiago Pereira
Thiago Pereira
5 dias atrás

Não quiseram compartilhar a transmissão com o Sportv,esse ano,então, temos que aguentar esses narradores sem graça e que não transmitem emoção nenhuma aos jogos da Espn. Só se salva o Nardini como narrador. Nem parecia uma narração de uma semifinal de um GS. Sobre o Jô,deu a lógica. Alcaraz é mais jogador no saibro. Mas,não acho que foi a final antecipada. Zé Zverev – se chegar na final- pode muito bem batê-lo,e já provou provoca provou isso em outras ocasiões. Embora no saibro haveria uma leve vantagem para o espanhol.

Rob
Rob
5 dias atrás
Responder para  Thiago Pereira

Discordo parcialmente, o Hamilton tem o tom certo…o que estraga é o Silvio Bastos falando do tênis clube de bauru nos games decisivos…galando dos craques brasileiros no meio dos pontos…dando aulas hipotéticas a tenistas amadores…chatissimo.

José Andrade
José Andrade
5 dias atrás
Responder para  Rob

Concordo com você. O Sílvio é intragável com suas teorias absurdas.

Paulo Almeida
Paulo Almeida
5 dias atrás
Responder para  Rob

O pior do Sylvio Bastos é falar “CHARTRIER”. Imperdoável!

Marcelo F
Marcelo F
5 dias atrás
Responder para  Paulo Almeida

O Hamilton também fala.

Arthur
Arthur
5 dias atrás
Responder para  Thiago Pereira

Pior que o Silvio só o German, nossa..

Alírio
Alírio
5 dias atrás

Falar o que né galera,isto é outro jogão de raquete e o tênis masculino esta dando um show de bola neste RG 24, portanto aquilo que eu previa no início do torneio esta se confirmando porque teve vários jogos bons e hoje Alcaraz com a sua ótima habilidade e o Sinner também variando o jogo um pouco, os dois estão de parabéns e tem tudo para serem o futuro do tênis mundial.

Caio quintas "poderoso piupiu"
Caio quintas "poderoso piupiu"
5 dias atrás

Sinner quando cansa cai demais, o alcaraz podia ter levado em 4 sets

Oscar
Oscar
5 dias atrás

Ele sentiu cãibras ou alguma outra lesão. Não é fácil manter a regularidade assim.

Joaz Magalhães
Joaz Magalhães
5 dias atrás

Provavelmente essa foi a final. Grande jogo com dois tenistas buscando variações com extrema qualidade para mudar o jogo. Alcaraz fez a diferença jogando muito.

Lee
Lee
5 dias atrás

E acabou o sonho do Golden Slam para o Sinner coisa que só o Djokovic tinha condições de alcançar e nem ele conseguiu. Agora resta saber se o Ruud vai aproveitar sua vantagem de ter um dia a mais de descanso está bem aberto esse Roland Garros ainda.

Flávio
Flávio
5 dias atrás
Responder para  Lee

Bem lembrado Lee, após os problemas emocionais que a Sabalenka não soube digerir e sentiu contra a jovem russa e o Sinner que foram eliminados eram os únicos que poderiam tentar o Golden Slam, isso mostra como a Steffi Grafi foi uma jogadora lendária,22 Slam e ninguém vai superá-la no tênis feminino atual, pois é muito difícil o feito que ela fez nem o gênio Djokovic conseguiu o Golden Slam.

Luis Ricardo
Luis Ricardo
5 dias atrás
Responder para  Lee

do que Golden vc está falando cara ?…ele tem só um Slam …UMZINHO … por acaso vc sequer sabe o que é o “golden slam ” ?……acho que não….

Lee
Lee
5 dias atrás
Responder para  Luis Ricardo

Estou referindo a ganhar os 4 Slam e o ouro Olímpico no mesmo ano.

Luis Ricardo
Luis Ricardo
5 dias atrás
Responder para  Lee

rsrs ….e vc achava que o Sinner poderia ganhar os 4 GS e o ouro olimpico em sequencia ??? por favor desce das nuvens cara , ele não joga isso tudo não !!!
se nem os 3 maiores conseguiram …

Renato
Renato
5 dias atrás

A verdade é que qualquer resultado aí não é surpresa. Ambos tem condições de vencer, e vão se mostrando os dois melhores da nova geração. Claro que ainda temos outros em condições de vencer, mesmo o Zverev ou Rudd podem acabar com a festa do Alcaraz na grande final, embora não se mostre uma situação provável. A tendência é Alcaraz e Sinner consolidarem esse “big 2”. Mas sempre esperamos que apareça um “terceiro elemento” para formar o novo “big 3”.

Vicentina
Vicentina
5 dias atrás

Demais este jogo, quadra lotada com a presença ilustre do nosso querido Guga e Ben Styler, mereciam o ótimo jogo de Alcaraz e Sinner é outro nível de tênis, ainda tem Zverev e outros ,me desculpe a Swiatek que é uma menina muito legal e as outras meninas, mas é muito alto o nível deles e não tem como comparar. Obrigada pelo espaço.

Leo
Leo
5 dias atrás

Alcaraz futuro vencedor de 30 gs’s.

Paulo Almeida
Paulo Almeida
5 dias atrás
Responder para  Leo

Jura? Só tem 2 por enquanto.

Pra isso ele precisaria de uma grande entressafra.

Luiz Henrique
Luiz Henrique
5 dias atrás
Responder para  Paulo Almeida

Ele tem 2, domingo talvez chegue a 3. Djokovic na idade dele tinha 1…

Paulo Almeida
Paulo Almeida
5 dias atrás
Responder para  Luiz Henrique

O importante é com quantos termina, não?

RODRIGO
RODRIGO
5 dias atrás
Responder para  Paulo Almeida

Alcaraz é muito superior tecnicamente ao goatinho Djokovid. Esses dias tava assistindo á aula que o nanico sérvio tomou do espanhol na final de Wimbledon. Aquele momento em que ele destrói a raquete é patético! Uma das cenas mais engraçadas do tênis, com toda certeza!!!

Paulo Almeida
Paulo Almeida
5 dias atrás
Responder para  RODRIGO

Não, não é, tanto que perdeu as duas últimas e levou uma surra no Finals. É inferior em saque, devolução, esquerda, voleio, slice lob, drop, cobertura de quadra etc. Só tem a direita mais potente.

3×2 em final de Slam é surra? Então as finais de 2014 e 2019 do GOATaço foram pauladas enormes.

Nada na história do tênis foi mais engraçado do que aquela senhorita com um dedinho pra cima no eterno 40-15. Kkkkkk!

Marcelo F
Marcelo F
5 dias atrás
Responder para  Leo

Até parece…

Walter
Walter
5 dias atrás

Sinner ainda emocionalmente instável em partidas importantes. Deixa de ser ofensivo nos momentos cruciais do jogo.

Luciano
Luciano
5 dias atrás

Não acho que foi uma final antecipada não! Se acaso o Zverev passar pelo Ruud, pode ser que aquele triste episódio da lesão na semi-final de Roland Garros contra o Nadal (onde o jogo estava parelho e ele tinha chances de ir para a final, e acaso fosse campeão, se tornaria o Nº 1) possa servir de combustível para lutar contra o Alcaraz. Vamos ver!

Marcelo Reis
Marcelo Reis
5 dias atrás

A expectativa é o mal da humanidade. Achei o jogo meio fraco frente ao que eles podem entregar. No nível de hoje, Alcaraz pode muito bem perder a final, vai vendo!

Luciano
Luciano
5 dias atrás
Responder para  Marcelo Reis

Concordo plenamente!

Valentina
Valentina
5 dias atrás
Responder para  Marcelo Reis

Fraco amado? kkk Foi uma batalha de mais de 4 horas e decidido no 5 set e fora o nervosismo porque estava em jogo uma vaga na final, portanto discordo e acho que o jogo foi muito bom.

Marcelo Reis
Marcelo Reis
5 dias atrás
Responder para  Valentina

Olá, Valentina. Respeito sua opinião.

Mas veja, você está dizendo que o jogo que é longo é automaticamente bom. Isso é o que chamamos de “falsa simetria”. A duração do jogo não tem absolutamente nada a ver com sua qualidade. Podemos ter jogos curtos e ótimos (poucos erros, jogadas lindas, etc) ou jogos longos e péssimos (cheios de erros toscos, etc), só para ficar em dois exemplos.

Então eu, que já vi dezenas de partidas deles, estou habituado a ver um nível superior por parte de ambos. Tecnicamente, achei fraco, mais de 100 erros não forçados. Eles podem bem mais.

Abraço.

Última edição 5 dias atrás by Marcelo Reis
Luis Ricardo
Luis Ricardo
5 dias atrás
Responder para  Marcelo Reis

não digo que foi um “jogaço” porque não foi , mas tbm não acho que foi um jogo fraco . Foi um bom jogo , mas…..um nivel abaixo dos duelos do saudoço BIG 3 ou até do BIG 4 ( incluindo o Murray ) estes 2 caras , alcaraz e Sinner tem muito a evoluir ainda pra chegar ao nível daqueles que nos encheram os olhos com jogos simplesmente inesqueciveis…

Kario
Kario
5 dias atrás

Fico feliz do Alcaraz estar se recuperando da lesão. Esses dois vão enfrentar muitas vezes nos proximos anos.

helio
helio
5 dias atrás

Muito bom o jogo ver a habilidade de Alcaraz e a visão de jogo do Sinner. São diferenciados dos demais e carismáticos. Neles está o futuro do tenis.

Flávio
Flávio
5 dias atrás
Responder para  helio

Assino em baixo Helio, agora tem um tal aqui,o mesmo que disse a piada que o tênis feminino é melhor kkkkk, que teve a coragem de dizer que Sinner é meia boca, ah nem viu é duro entender gente da turma do mimimi.

James Garcia
James Garcia
5 dias atrás
Responder para  helio

A bolinha de tênis é mais carismática que o Sinner, o sujeito não esboça uma emoção sequer ele pode ser tudo mas não é ícone e não tem carisma com essa atitude de trabalhador de escritório em horário comercial batendo ponto

Luis Ricardo
Luis Ricardo
5 dias atrás
Responder para  James Garcia

kkkkkkkkkk trabalhador de escritório foi ótima , rsrs !!! anos atrás ,tinha um parecido nesse aspecto , Ivan Lendl parecia cara de mumia rsrs , mas jogava muito mais que o Sinner.

Carlos Alberto Ribeiro da Silva
Carlos Alberto Ribeiro da Silva
5 dias atrás

Tecnicamente e mentalmente o Alcaraz está mostrando que é muito forte. Isso aliado à sua grande capacidade atlética, o torna muito difícil de ser batido. Porém, do outro lado tem o Ruud que vem de dois vice-campeonatos contra o Nadal e o Djokovic e deve ter aprendido com essas derrotas e tem também o Zverev que está jogando bem, está com uma grande vontade de ganhar o seu primeiro slam e tem jogo pra ganhar do Alcaraz. Eu não cravaria o Alcaraz como campeão. Acho que ele é o favorito mas na proporção 55/45 contra o Zverev e 60/40 contra o Ruud.

Carlos Alberto Ribeiro da Silva
Carlos Alberto Ribeiro da Silva
5 dias atrás

Vamos ver se nos próximos anos o João Fonseca consegue se colocar entre os tops do tênis masculino. Ele é de ago/2006, cinco anos mais novo que o Sinner e três anos mais novo que o Alcaraz. De qualquer forma, o que ele conseguir já será bem vindo. Ótima sorte pra ele.

Flávio
Flávio
5 dias atrás

Vou torcer para isso também, pois ele é o futuro do tênis brasileiro.

Heitor Monteiro
Heitor Monteiro
5 dias atrás

Eis a maior rivalidade dos próximos anos no tênis masculino!

Msr
Msr
5 dias atrás

Essa será a nova e futura rivalidade do tênis por muitos anos, como foi Nadal x Federer.
Se reparar tem até semelhanças físicas.
Alcaraz e Nadal são esportistas natos, que só de olhar pelo porte fisico percebesse que são atletas.
Ja Sinner e Federer parece que são contadores que trabalham o dia todo em um escritório de contabilidade.
Resta saber se ainda irá surgir um cotonete (igual do Djoko) para entrar nessa rivalidade.

Carlos Alberto Ribeiro da Silva
Carlos Alberto Ribeiro da Silva
5 dias atrás
Responder para  Msr

Aliás, o cotonete que você citou, Novak Djokovic, superou seus dois maiores rivais. Esse é o maior mérito, trabalhar as suas deficiências e limitações, superá-las, evoluir e criar novas habilidades.

Luis Ricardo
Luis Ricardo
5 dias atrás

para o tal Flavio ( comentarista de uma nota só ) jamais disse que o tenis feminino é melhor que o masculino , eu disse que eu GOSTO MAIS , que gosto de assistir o tenis feminino e GOSTO MESMO bem diferente do que vc esta inventando.
Outra coisa vc acha que o nível do Sinner é igual ao do Federer ao de Nadal ao de Djokovic ao de um Ivan Lendl , de um Pete Sampras de um Agassi de um Murray eu não acho , talvez exagerei ao usar o termo “meia boca” não como jogador ( é um bom jogador) , mas como #1 ele esta anos luz atras de aqueles que mencionei.

Flávio
Flávio
5 dias atrás
Responder para  Luis Ricardo

Eu não me lembro se eu disse que o Sinner tem o mesmo nível do Federer ou dessas ótimas lendas que você citou, claro que não apenas estou dizendo que ele tem futuro junto de Alcaraz e outros para representar o que os grandes fizeram no passado, pois eles são o futuro do tênis agora se eu disse isso que você disse, que não me lembro, aí eu cometi um erro, mas você disse que o Sinner é meia boca aí vc se precipitou porque ele só tem 22 anos e já atingiu o número 1,se você disser que ele precisa mostrar mais como número 1 aí eu concordo, mas não dá pra dizer que é meia boca porque tem potencial demais e ele mesmo disse que quer melhorar mais, logo concluo que ele pode evoluir mais ainda que só depene dele.

Flávio
Flávio
5 dias atrás
Responder para  Luis Ricardo

Sim o seu comentário ao falar das lendas eu concordo demais, mas é óbvio que Sinner,Alcaraz e outros estão longe destes que você citou, mas são eles que são o futuro do tênis e cabe a eles representar essa galera boa que você citou, aliás, não ser igual porque sabemos que nunca serão e sim representar a nova geração,torço sim para eles representarem assim como espero o João evoluir para o bem do tênis brasileiro.

Luis Ricardo
Luis Ricardo
5 dias atrás
Responder para  Flávio

vc é repetitivo demais , precissa fazer 2 post pra repetir a mesma coisa , eu já disse que exagerei ao usar o termo “meia boca” mas a verdade é que, o nível dele pra #1 é baixo comparado com outros inumeraveis #1 inclusive mais baixo que o proprio Alcaraz, isso pra mim ok, “pra mim” , e o mesmo qualificativo que vc usa pra Iga , se aplica nele ,claro guardando as distancias entre H e M ou seja, é o #1 mais fraco dos últimos tempos ,

Vitor
Vitor
5 dias atrás

Jogo de bom nível técnico, porém ainda fica longe dos duelos épicos de Nadal x djokovic em roland garros.

Flávio
Flávio
5 dias atrás
Responder para  Vitor

Claro Vitor, concordo 100%.

Guilherme do ES Ribeiro
Guilherme do ES Ribeiro
5 dias atrás

Alcaraz fará sua 18° final de ATP na carreira, a 3° em Slam. Tenta seu 14° título, o 8° no saibro, seu 3° GS

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Toda a comemoração de Alcaraz na conquista de Roland Garros

Jannik Sinner é o 29º homem a liderar o ranking profissional

PUBLICIDADE