Notícias | Dia a dia
Badosa reage e busca grande vitória contra Gauff
05/08/2022 às 22h29

Badosa conseguiu uma expressiva vitória sobre Gauff para chegar à semi em San Jose

Foto: Mubadala Silicon Valley Classic

San Jose (EUA) - Depois de superar uma estreia duríssima no WTA 500 de San Jose, Paula Badosa conseguiu uma vitória expressiva nesta sexta-feira e garantiu vaga na semifinal da competição. A número 4 do mundo superou a norte-americana Coco Gauff, 11ª do ranking, por 7/6 (7-4) e 6/2 em 1h26 de partida. Foi a segunda vitória da espanhola em três jogos contra Gauff no circuito profissional.

"Eu respeito muito a Coco, vi os jogos passados dela no torneio, ela estava jogando muito bem, então estou muito orgulhosa por ter vencido. Eu só desejo o melhor para ela, porque é uma jogadora muito humilde e ótima pessoa", disse Badosa, destacando as vitórias de Gauff sobre Anhelina Kalinina e Naomi Osaka nas fases iniciais do torneio.

A espanhola começou atrás no placar e chegou a estar perdendo o primeiro set por 5/3, antes de assumir o controle da partida. "Eu só tinha que aceitar o momento. Talvez no começo eu estivesse um pouco nervosa e ela estava jogando muito bem, eu tive que me adaptar, mas acho que no tiebreak eu joguei muito bem bem e saquei muito bem muito bem no segundo set. Estou muito feliz com minha performance".

Badosa enfrenta na semifinal a russa Daria Kasatkina, número 12 do mundo. O histórico está empatado por 1 a 1. "Vai ser um jogo totalmente diferente, mais físico e mais tático. Ela está vencendo muitas partidas, contra as melhores jogadoras do mundo, está muito confiante. Vai ser um jogo muito duro. Mas vou tentar aproveitar e jogar o meu jogo. Espero fazer uma boa partida".

Em um primeiro set com duas quebras para cada lado e estatísticas equilibradas, o desempenho de Gauff no saque acabou sendo determinante para o resultado. A norte-americana cometeu seis duplas faltas durante a parcial, sendo três quando liderava por 5/4 e sacava para fechar e mais duas nos últimos pontos do tiebreak. Se no começo da partida, Gauff conseguia prolongar alguns ralis e empurrar Badosa para trás, o que se viu na reta final do set foi momento de golpes muito potentes para os dois lados, especialmente com os forehands. Gauff fez 16 a 13 nos winners e 15 a 12 nos erros não-forçados.

A perda do set inicial pode ter afetado Gauff no aspecto mental do jogo e ela começou o segundo set mais apressada para definir os pontos e cometendo mais erros não-forçados. Badosa se aproveitou do momento da adversária e conseguiu duas quebras para abrir 5/1 no placar. A norte-americana até confirmou seu último game de saque na partida, mas não teve nenhum break-point em todo o segundo set. Gauff terminou o jogo com mais winners, 21 a 17, mas cometeu 29 erros contra só 15 da espanhola.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva