Notícias | Dia a dia
Pereira e Reis vencem e jogam semis no Equador
05/08/2022 às 18h16

João Lucas Reis eliminou o principal cabeça de chave do torneio no Equador

Foto: Arquivo

Portoviejo (Equador) - A rodada desta quinta-feira pelo ITF M25 de Portoviejo, em quadras de saibro no Equador, foi de duas vitórias brasileiras. Os pernambucanos José Pereira e João Lucas Reis venceram seus jogos e avançaram às semifinais do torneio, com possibilidade de um duelo entre eles na final. O torneio vale 25 pontos na ATP, com 16 para o vice e 8 para os semifinalistas.

João Lucas Reis eliminou o chileno Gonzalo Lama, principal cabeça de chave do torneio e 257º do mundo, por 6/3 e 7/5. Vencedor de três títulos profissionais no circuito da ITF, o jovem de 22 anos e 480º do ranking tenta alcançar sua sétima final da carreira e a primeira na temporada. Seu título mais recente foi em 2020, no México. Cabeça 5 no Equador, Reis enfrenta o norte-americano Tristan McCormick, apenas 899º colocado.

Já José Pereira é o terceiro cabeça de chave do torneio e 393º do ranking. O experiente jogador de 31 anos venceu o argentino Juan Bautista Otegui por 4/6, 6/3 e 6/1. Ele agora enfrenta o chileno Matias Soto, 682º colocado. Pereira tem 12 títulos e mais 10 vice-campeonatos no circuito da ITF. E neste ano, conquistou um torneio em Frascati, na Itália. Ele também fez duas boas campanhas em challengers, chegando às quartas em Savannah, nos Estados Unidos, e Tigre, na Argentina.

Wild cai na semifinal de duplas em Liberec
Já o paranaense Thiago Wild foi eliminado na semifinal de duplas do challenger de Liberec, na República Tcheca, ao lado do espanhol Nicolas Alvarez Varona. Eles foram superados pela dupla da casa formada por Roman Jebavy e Adam Pavlasek por 6/4 e 6/3. Aos 22 anos, Wild ocupa o 365º lugar no ranking de simples, sendo o número 8 do Brasil, e o 624º lugar nas duplas. Ele recebe 30 pontos na ATP pela campanha e entrará no top 500 da modalidade.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva