Notícias | Dia a dia
Com mais um 'pneu', Kasatkina elimina Sabalenka
05/08/2022 às 17h47

Kasatkina venceu com direito a 'pneu' os jogos contra Rybakina, Townsend e Sabalenka

Foto: Mubadala Silicon Valley Classic

San Jose (EUA) - Em três jogos disputados nos WTA 500 de San Jose, Daria Kasatkina venceu com direito a 'pneu' contra todas as adversárias. Assim como já havia acontecido na estreia contra a campeã de Wimbledon Elena Rybakina e também na segunda rodada contra Taylor Townsend, a número 12 do mundo repetiu a dose contra Aryna Sabalenka e eliminou a sexta colocada do ranking com parciais de 4/6, 7/5 e 6/0 em 2h23 de jogo.

Kasatkina é a atual vice-campeã do torneio e já defendeu 185 dos 305 pontos conquistados no ano passado. A russa de 25 anos tem chance de voltar ao top 10 caso conquiste o título e veja a norte-americana Coco Gauff, 11ª do mundo, cair nas quartas. A próxima adversária de Kasatkina pode ser justamente Gauff, que enfrenta a espanhola Paula Badosa a partir das 20h30 (de Brasília) desta sexta-feira.

Por sua vez, Aryna Sabalenka terá o fim de semana para se recuperar antes de atuar no WTA 1000 de Toronto. Ela terminou a partida desta sexta-feira se queixando de dores na perna esquerda e chegou a pedir atendimento médico em quadra. A ex-número 2 do mundo vinha de uma vitória duríssima na primeira rodada contra a norte-americana Caroline Dolehide.

Apesar de Sabalenka ter dificuldades com o saque durante o set inicial, ao colocar apenas 46% de primeiros serviços em quadra e cometer sete duplas faltas, ela conseguiu sair na frente no placar. Kasatkina também vinha instável em seus serviços e nos ralis de fundo. A parcial acabou tendo cinco quebras e nove break-points no total. Mais agressiva em quadra, Sabalenka fez 10 a 5 nos winners, e 18 a 11 em erros. Ela abriu 5/2 no placar, Kasatkina devolveu a quebra para diminuir para 5/4, mas voltou a perder o saque com duas duplas faltas no último game da parcial.

O segundo set também teve altos e baixos, já que Kasatkina abriu 3/0, permitiu a virada para 4/3, mas depois venceu quatro dos últimos cinco games disputados para empatar a partida. A longa parcial teve sete quebras, 4 a 3 para a russa, e um total de 18 break-points entre as duas tenistas. Sabalenka continuava com dificuldades para sacar e fez nove duplas faltas, além de ver disparar seu número de erros em ralis de fundo, foram 25 contra só 9 da russa. A número 6 do mundo fez 15 a 8 nos winners.

Já na parcial decisiva, Kasatkina tentou dar continuidade ao bom momento que havia mostrado no fim do segundo set, sendo mais consistente nos ralis de fundo e fazendo a adversária sempre jogar uma bola a mais. A atual vice-campeã do torneio conseugiu duas quebras e abriu 3/0, enquanto Sabalenka precisou de atendimento para a um desconforto na perna esquerda. Na volta, Kasatkina manteve o domínio da partida e conseguiu mais um 'pneu' no torneio, vencendo dez dos últimos 11 games da partida. Sabalenka, que fez 20 duplas faltas e 59 erros não-forçados, liderou nos winners por 32 a 19, e Kasatkina só cometeu 20 erros.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva