Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Cornet faz 6 games seguidos e acaba com série de Iga
02/07/2022 às 13h47

Cornet chegou a fazer seis games seguidos e impôs a primeira derrota da polonesa desde fevereiro

Foto: AELTC

Londres (Inglaterra) - A longa invencibilidade de Iga Swiatek no circuito chegou ao fim neste sábado, quando a número 1 do mundo atuou pela terceira rodada de Wimbledon. Vinda de 37 vitórias e seis títulos, incluindo Roland Garros, Swiatek foi superada pela experiente francesa Alizé Cornet, de 32 anos e 37ª do ranking, que marcou as parciais de 6/4 e 6/2, chegando a vencer seis games seguidos.

A última vez que Swiatek havia perdido um jogo foi em fevereiro, para Jelena Ostapenko em Dubai. Desde então, ela emendou uma incrível série de vitórias e conquistou títulos em Doha, Indian Wells, Miami, Stuttgart, Roma e Roland Garros. Assim, disparou na liderança do ranking com 8.576 pontos, quase o dobro da segunda colocada Ons Jabeur, que tem 4.340. Na temporada, a polonesa venceu 46 jogos e perdeu apenas quatro. A última tenista havia vencido 37 partidas consecutivas no circuito da WTA foi a suíça Martina Hingis em 1997.

Já Cornet tem a comemorar sua 23ª vitória contra top 10 e a 11ª contra uma top 5. A francesa iguala a melhor campanha da carreira em Wimbledon, as oitavas de final de 2014. Na ocasião, ela também havia derrotado uma favorita na terceira rodada, sendo a algoz de Serena Williams. Sua próxima adversária é a australiana Ajla Tomljanovic, 44ª do ranking. O histórico entre elas está empatado por 2 a 2. 

Cornet teve um excelente início de partida e abriu 3/0 com duas quebras de vantagem. Swiatek perdeu o primeiro game com uma dupla falta e dois erros não-forçados e teve seu segundo serviço bastante pressionado para permitir a segunda quebra. A polonesa chegou a reduzir a diferença no placar, mas não aproveitou um break-point quando perdia por 3/2. E depois disso, Cornet se manteve firme no saque e nos golpes de fundo para fechar a parcial. Nas estatísticas, Swiatek tinha 14 a 5 em winners, mas 17 a 5 em erros não-forçados.

A número 1 do mundo começou o segundo set com uma quebra acima no placar e 2/0 a favor, mas não aproveitou as chances de ampliar a diferença e acabou sofrendo a quebra com um winner de devolução na paralela. Cornet fez, então um ótimo game de saque e empatou o set, e foi ganhando cada vez mais confiança para seguir dominante nas devoluções. Por outro lado, Swiatek parecia cada vez mais perdida em quadra, errando nas escolhas dos golpes e dando muitos pontos de graça. A francesa conseguiu se impor e fez seis games seguidos para chegar à vitória.

Ainda que Swiatek tenha liderado a contagem de winners no jogo por 21 a 16, a polonesa cometeu 33 erros não-forçados contra apenas 7 da francesa. Cornet criou seis break-points na partida e conseguiu cinco quebras, perdendo apenas dois games de saque. A número 1 do mundo sofreu quando precisou do segundo serviço, venceu apenas 8 pontos em 27 possíveis nessas condições, 30% de aproveitamento.

Comentários