Notícias | Dia a dia
Djokovic respeita muito Nadal pelo que conquistou
26/06/2022 às 17h30

Londres (Inglaterra) - Principal favorito ao título de Wimbledon, o sérvio Novak Djokovic desta vez só poderá cruzar com o espanhol Rafael Nadal em uma eventual final, bem diferente do que aconteceu em Roland Garros, onde se enfrentaram nas quartas de final e o canhoto de Mallorca derrubou o então número 1 do mundo na caminhada para mais uma conquista no saibro de Paris.

Na entrevista coletiva antes de iniciar sua participação no All England Club, o sérvio não apenas falou sobre sua atual condição em relação ao US Open, reforçando que não irá jogar se o governo dos Estados Unidos não mudar as regras para não-vacinados, mas também destacou a figura de Nadal, apesar de toda a rivalidade entre os dois dentro de quadra.

“Ele passou por uma cirurgia no segundo semestre do ano passado, voltou dessa cirurgia e venceu o primeiro Grand Slam da temporada. Então em Roland Garros, o torneio em que historicamente mais títulos conquistou, novamente ele foi campeão. Só nos resta tirar o chapéu pelo que conquistou, pelo que continua a fazer em uma quadra de tênis”, afirmou Djokovic.

Seu espírito de luta é muito grande, ele é um campeão incrível. Só por tudo o que está tentando fazer para criar um legado ainda mais bem-sucedido é algo para admirar e respeitar, mesmo que eu seja um de seus maiores rivais e tenhamos tido jogos incríveis ao longo de nossa carreira. Não tenho nada além de respeito por ele e pelo que conquistou”, acrescentou o sérvio.

A estreia de Djokovic está marcada para acontecer nesta segunda-feira às 9h30 (horário de Brasília)contra o sul-coreano Soonwoo Kwon, na primeira partida do dia na Quadra Central. Já a primeira partida de Nadal, contra o argentino Francisco Cerundolo, só acontecerá na terça-feira.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva