Notícias | Dia a dia
Bia joga apenas 9 games e fatura 2º WTA seguido
19/06/2022 às 11h53

Birmingham (Inglaterra) - Beatriz Haddad Maia precisou jogar apenas nove games para conquistar seu segundo título de WTA consecutivo, ambos sobre a grama inglesa. Na final do WTA 250 de Birmingham, a chinesa Shuai Zhang sentiu incômodo muscular e decidiu se retirar quando a brasileira vencia por 5/4 e iria sacar para fechar a série.

Esta foi a décima vitória seguida da brasileira sobre a grama, tendo superado nesta semana duas campeãs de Wimbledon, a tcheca Petra Kvitova e a romena Simona Halep. Ela derrotou a romena e ex-número 1 em jogo duro pouco antes, devido à chuva do sábado.

Com novo troféu, Bia garantirá o 29º posto do ranking, o mais alto que uma brasileira já obteve desde a criação do sistema, em 1975, repetindo a classificação de Maria Esther Bueno em 1976. Estherzinha disputou poucos eventos depois que o ranking feminino surgiu, em 1975.

Bia também se torna a segunda brasileira em todos os tempos a ganhar dois torneios de primeira linha sobre a grama em sequência. A última a obter tal façanha havia sido a mesma Maria Esther, campeã em Eastbourne e Manchester e vice em Chestnut Hill entre julho e agosto de 1968.

Zhang também havia jogado na manhã deste domingo e só venceu Sorana Cirstea no tiebreak do terceiro set. Mas não pareceu sentir incômodos quando abriu 2/0 e teve chance de ganhar seu serviço. Bia conseguiu a quebra e iniciou ótima reação.

A brasileira precisava ter paciência com as bolas mais retas da chinesa, mas conseguiu a quebra essencial no sétimo game. Manteve com facilidade o saque e ameaçou Zhang em seguida, quando teve 30-30 e um ponto difícil. A chinesa então pediu atendimento e decidiu se retirar, explicando que havia feito um grande esforço na semana já que estava também na final de duplas.

"Tenho me divertido todos os dias desde a semana passada", afirmou Bia, que cumprimentou Zhang, sua parceira de duplas na conquista de Notthingham na semana passada. Quando questionada sobre sua resiliência, a canhota de 26 anos não conteve as lágrimas. "Se não tivesse essa determinação, nada seria possível".

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva