Notícias | Dia a dia
Van Rijthoven, 205º, surpreende Medvedev na final
12/06/2022 às 11h23

Convidado para o torneio, Tim Van Rijthoven sequer tinha vitórias na ATP antes desta semana

Foto: Libema Open

's-Hertogenbosch (Holanda) - Apesar de todo o favoritismo de Daniil Medvedev, que voltará à liderança do ranking mundial nesta segunda-feira, o título do ATP 250 de 's-Hertogenbosch, em quadras de grama na Holanda, ficou nas mãos do anfitrião Tim Van Rijthoven. O convidado de 25 anos e apenas 205º do ranking voltou a surpreender a venceu a final deste domingo por 6/4 e 6/1.

Antes da excelente semana na grama holandesa, Van Rijthoven sequer tinha vitórias em chaves principais de ATP. E no caminho para o título, eliminou os três principais cabeças de chave. Além de ter vencido Medvedev na final, ele passou pelo canadense Felix Auger-Aliassime, número 9 do mundo na semi, e pelo norte-americano Taylor Fritz, 14º colocado, nas oitavas. Ele também passou por Matthew Ebden na estreia e Hugo Gaston nas quartas.

"Ganhar um título de ATP Tour significa muito para mim, e ganhar em casa é ainda mais especial. A torcida foi incrível! Nunca pensei que ganharia o torneio. Eu queria talvez surpreender algum favorito, mas eliminar grandes jogadores e ganhar o título é simplesmente incrível", disse Van Rijthoven após a surpreendente conquista na grama.

O último holandês a vencer o torneio foi Sjeng Schalken, bicampeão em 2002 e 2003. Antes dele, Richard Krajicek venceu em 1994 e 1997. Já o último jogador de fora do top 200 a vencer um torneio da ATP foi o argentino Juan Manuel Cerundolo, vencedor no saibro de Córdoba no ano passado, quando ocupava o 335º lugar do ranking.

O novo campeão do circuito também destacou o bom momento do tênis, com Botic van de Zandschulp como número 29 do mundo e Tallon Griekspoor no 56º lugar. "Acho que o tênis holandês está em um bom momento agora. Temos o Botic no top 30 e mais um jogador top 60, que é Tallon. Espero chegar ao top 100 em breve, então teremos três jogadores entre os 100. Para um país pequeno como a Holanda isso é um bom número. Botic e Tallon abriram o caminho".

A semana perfeita vai render um salto no ranking para Van Rijthoven. A projeção no site oficial da ATP indica que o holandês irá se firmar entre os 110 melhores do mundo com os 250 pontos conquistados, podendo aparecer como 106º ou 107º colocado, dependendo do resultado do challenger de Lyon, e a menos de 40 pontos de um inédita vaga no top 100.

Já Medvedev disputou sua segunda final no ano e segue sem títulos na temporada. Ele tem 13 conquistas no circuito, sendo que a última foi o US Open do ano passado. Jogando na grama, venceu o ATP de Mallorca em 2021. O torneio holandês desta semana é um dos poucos torneios da temporada de grama com a presença de tenistas da Rússia e Belarus. Ele era o principal cabeça de chave do torneio e voltará ao topo do ranking, posição que ocupou por três semanas no início do ano.

Até mesmo Medvedev cumprimentou o algoz. "Semana incrível! Você destruiu o número 2 do mundo em sets diretos na final, então acho que deve ser uma sensação boa!" disse drurante a cerimônia de premiação. "Continue assim. Lembro-me de você do circuito juvenil e sei que você tem talento. Então, agora precisa fazer mais partidas como essa e mais torneios como esse! Parabéns a você e sua equipe".

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva