Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Irritado, Rune acusa Ruud de ter gritado na sua cara
02/06/2022 às 09h52

Paris (França) - Após levar a pior no duelo escandinavo pelas quartas de final de Roland Garros, o dinamarquês Holger Rune não apenas saiu frustrado com o resultado final da partida, mas também ficou irritado pela comemoração do algoz, o norueguês Casper Ruud, que segundo ele acabou indo gritar na sua cara.

"Comemorar com a equipe foi muito legal e interessante, mas então ele vai direto para mim e grita bem na minha cara. Eu pensei 'o que diabos está fazendo?'. Você simplesmente não faz isso. Pode vibrar o quanto quiser na quadra, eu mesmo faço isso quando ganho. Mas isso é apenas uma falta de classe. Ele deveria ter mais respeito", disse Rune a Ekstra Bladet.

As alegações de Rune foram negadas pelo time de Ruud, com seu pai Christian rebatendo a versão do dinamarquês para o Eurosport. “É simplesmente uma mentira de Holger. Não há mais o que falar, porque é pura mentira. Nosso foco agora está no jogo de sexta-feira contra o Cilic”.

Mãe de Rune, Aneke não gostou do que ouviu e também disparou. “O pai não estava lá quando aconteceu, ele tinha ido embora. Era apenas o preparador físico e o fisioterapeuta. Foi enquanto Holger estava esperando o controle de doping, então o pai não pode comentar sobre isso. Primeiro que gritou na cara do meu filho. Segundo que o pai está mentindo para a imprensa", disse ela à BT.

Comentários