Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Zverev é novamente exigido, mas vence em 3 sets
29/05/2022 às 14h25

Zverev chegou pelo menos às quartas em quatro das últimas cinco edições em Paris

Foto: Divulgação

Paris (França) - Assim como já havia acontecido na última sexta-feira, Alexander Zverev conseguiu novamente vencer em sets diretos uma partida em que foi exigido nos aspectos competitivo e emocional. O número 3 do mundo foi desafiado pelo espanhol vindo do quali Bernabe Zapata Miralles, 131º do ranking, e precisou de 2h45 para vencer por 7/6 (13-11), 7/5 e 6/3 e chegar às quartas de final de Roland Garros.

Zverev alcançou pelo menos as quartas em quatro das últimas cinco edições do Grand Slam francês, tendo sido semifinalista no ano passado. O alemão de 25 anos ainda luta por seu primeiro título de Grand Slam e busca a quinta semifinal da carreira em competições deste porte.

O adversário de Zverev nas quartas virá da partida entre Carlos Alcaraz e Karen Khachanov, que vão fechar a programação deste domingo em Paris. Apesar da recente derrota na final do Masters 1000 de Madri, Zverev lidera o histórico de confrontos com Alcaraz por 2 a 1. Já diante de Khachanov, o alemão tem 3 a 2 no retrospecto, com destaque para a final olímpica em Tóquio no ano passado.

O primeiro set entre Zverev e Zapata teve duas quebras para cada lado e a diferença nos estilos de jogo era evidente pelas estatísticas. Mais agressivo, o alemão fez 15 a 4 em winners, mas cometeu 27 erros não-forçados contra apenas 18. Além disso, o alemão era melhor em pontos mais curtos, enquanto o espanhol tinha a preferência por longos ralis. Zverev chegou a liderer o set por 5/3, mas permitiu o empate. Ele precisou de quatro set-points e salvou outros três.

Também muito equilibrado, o segundo set começou melhor para Zapata, que foi o primeiro a quebrar e chegou a liderar por 4/2. Zverev reagiu na reta final do set, vencendo quatro dos últimos cinco games. Além disso, quando a parcial estava empatada por 5/5, o alemão escapou de dois break-points. E na sequência, voltaria a quebrar o serviço do adversário.

Com boa vantagem no placar, Zverev abriu frente também no terceiro set e chegou a liderar por 3/1. O alemão cedeu o empate no sexto game, mas voltaria a quebrar pouco depois e definiu a disputa em seu saque. Zverev fez 34 a 13 em winners no jogo e cometeu 63 erros contra 41 de Zapata. O alemão teve bom aproveitamento nos break-points, com sete quebras em oito chances e sofreu seis quebras de serviço.

Comentários