Notícias | Dia a dia
Ex-top 100 de duplas, Schmitão falece no Sul
29/05/2022 às 12h57

Novo Hamburgo (RS) - Um dos melhores duplistas brasileiros da Era Profissional, faleceu neste domingo José Carlos Schmidt, conhecido no circuito como Schmitão. Ele tinha 68 anos e já vinha com quadro debilitado de saúde há algum tempo. A causa mortis não foi divulgada.

Em novembro de 1982, formou parceria com Thomaz Koch e chegou na final do torneio de Itaparica, hoje um ATP 250, então disputado sobre grama sintética. Com isso, em janeiro de 1983, chegou ao top 100 do ranking de duplas, ao atingir o 82º posto. Em simples, ele chegou a 360 do ranking.

Schmidt começou a carreira no tênis na Sociedade Aliança de Novo Hamburgo e foi estudar nos Estados Unidos, onde aprimorou seu jogo.

Sempre foi muito ligado ao clube, pelo qual foi campeão brasileiro, sul-americano e mundial, quando o clube gaúchovenceu o Racing Club de Paris, em 1978, num grupo onde também estava nomes como Marcos Hocevar, João Soares, Neu Keller e Ivan Kley.

Também foi medalha de bronze nos Jogos Pan-americano, tem como parceiro João Soares.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva