Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Medvedev joga firme e encara perigoso Kecmanovic
26/05/2022 às 09h56

Paris (França) - Cabeça de chave número 2, o russo Daniil Medvedev teve uma atuação bastante sólida nesta quinta-feira contra o sérvio Laslo Djere. Em partida válida pela segunda rodada de Roland Garros, o vice-líder do ranking não encarou grandes sustos e venceu sem dificuldade, precisando de 2h37 para fechar o jogo com o placar final de 6/3, 6/4 e 6/3.

Na terceira rodada, o russo terá pela frente mais um oponente sérvio. Seu próximo adversário será Miomir Kecmanovic, que vem fazendo bonito na temporada e que deixou pelo caminho o cazaque Alexander Bublik em uma virada com parciais de 4/6, 7/5 6/2 e 6/1. O 28º pré-classificado enfrentará Medvedev pela primeira vez no circuito.

Medvedev e Djere entraram em quadra com exatamente o mesmo histórico na competição, cada um com cinco vitórias e cinco derrotas, mas o número 2 do mundo mostrou por que chegou às quartas de final ano passado depois de perder seus quatro primeiros jogos no saibro parisiense e não deu muitas chances ao sérvio.

Derrotado pelo atual 56º colocado no ranking da ATP na única vez que se cruzaram anteriormente, no saibro de Budapeste em 2017, Medvedev teve um começo lento e perdeu os dois primeiros games da partida, mas não demorou a reagir e logo em seguida devolveu a quebra sofrida e anotou mais uma para abrir 4/2 de vantagem. Ele então apenas administrou o placar e fez 1 a 0.

O segundo set teve uma quebra para cada lado nos dois primeiros games e depois seguiu parelho até a reta final, quando Medvedev salvou um break-point no oitavo game e logo na sequência bateu o saque de Djere para abrir 5/4 e servir logo em seguida para ampliar a vantagem.

Firme com o saque, vencendo 60% dos pontos disputados, e incomodando nas devoluções, com 50% de aproveitamento, Medvedev manteve o domínio na terceira parcial, que novamente largou com quebras, duas para o russo e uma para o sérvio. O vice-líder da ATP manteve a quebra de vantagem até o nono game, quando bateu novamente o saque de Djere para selar a vitória.

Comentários