Notícias | Dia a dia
Nadal figura entre os 100 mais influentes do mundo
23/05/2022 às 10h05

Nova York (EUA) - Assim como faz anualmente, a prestigiada revista Time publicou nesta segunda-feira a lista das personalidades mais influentes do mundo no último ano. O espanhol Rafael Nadal ganhou destaque e apareceu na lista figurando na categoria “Ícones”, na qual também apareceu a chinesa Shuai Peng.

O canhoto de Mallorca foi reverenciado pelo norte-americano Tom Brady, um dos maiores ícones da história do futebol americano, que escreveu o texto falando sobre o tenista espanhol. “Desde o momento em que entrou em quadra ainda jovem, Rafael Nadal teve um carisma incomparável. Ele tem a força mental e física para fazer o que todos os grandes atletas fazem: dar o seu melhor nos maiores momentos”, disse Brady.

“Ele eleva seu estado emocional a um ponto em que pode se concentrar insanamente na menor coisa para criar uma vantagem sobre seu oponente, desejando a vitória. Tem dado certo. Quando venceu o Aberto da Austrália de 2022, Rafa conquistou seu 21º título de simples do Grand Slam, o maior da história entre os tenistas homens”, acrescentou o sete vezes campeão da NFL.

“Admiro atletas que se esforçam ao máximo e fico absolutamente inspirado toda vez que Rafa entra em quadra. Há algo a ser aprendido ao observar sua determinação, sua estratégia, tudo o que é preciso para ele nunca dar um momento como garantido. Ele será para sempre lembrado como um dos melhores atletas de todos os esportes”, finalizou Brady.

Peng também foi destacada nas palavras de Pin Lu, ativista feminista e escritora chinesa, que salientou a reação em cadeia de eventos nos esportes globais promovidos pela tenista ap publicar um post na rede social Weibto, em novembro do ano passado, acusando o ex-vice-premiê Zhang Gaoli de assédio sexual.

“Ela desapareceu da vista do público. Seu ressurgimento em cenários encenados forneceu a justificativa final para o boicote diplomático dos EUA às Olimpíadas de Pequim de 2022 e levou a Associação de Tênis Feminino (WTA) a cancelar seus eventos na China. Seu nome continua censurado na internet chinesa”, escreveu a ativista chinesa.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva