Notícias | Dia a dia
Bolelli e Fognini mantêm esperança italiana na dupla
13/05/2022 às 22h42

Na Era Aberta, nunca uma dupla italiana conseguiu vencer o torneio em Roma

Foto: Internazionali BNL d Italia

Roma (Itália) - Apesar da eliminação de Jannik Sinner na rodada desta sexta-feira pelo Masters 1000 de Roma, a torcida italiana ainda tem uma esperança de título. A parceria formada por Simone Bolelli e Fabio Fognini está na semifinal de duplas e segue na luta por um título inédito nas quadras de saibro do Foro Itálico.

Bolelli e Fognini venceram nesta sexta-feira os alemães Kevin Krawietz e Andreas Mies pelas quartas de final por 6/7 (3-7), 6/4 e 11-9. Na Era Aberta, nunca uma dupla italiana conseguiu vencer o torneio em Roma. E o último campeão da casa foi Omar Camporese, em 1991, formando parceria com o croata Goran Ivanisevic.

Os adversários de Bolelli e Fognini na semifinal deste sábado serão os croatas Mate Pavic e Nikola Mektic, atuais campeões do torneio, que venceram nesta sexta-feira o holandês Wesley Koolhof e o britânico Neal Skupski por duplo 6/4.

Do outro lado da chave, John Isner e Diego Schwartzman seguem se destacando na competição. O norte-americano de 2,10m e o argentino de 1,70m venceram o britânico Lloyd Glasspool e o finlandês Harri Heliovaara ´por 6/3 e 6/2. Isner e Schwartzman enfrentam o cazaque Andrey Golubev e o argentino Maximo Gonzalez que venceram o uruguaio Ariel Behar e o equatoriano Gonzalo Escobar por 6/2 e 7/6 (12-10).

Isner e Schwartzman enfrentam Golubev e Gonzalez a partir do meio-dia (de Brasília) deste sábado na quadra Pietrangeli. Já a partida de Bolelli e Fognini contra Pavic e Mektic vai encerrar a programação da quadra Centrale, por volta das 16h deste sábado.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva