Notícias | Dia a dia
Jabeur e Bencic confirmam duelo, Gauff encara Halep
30/04/2022 às 19h11

Coco Gauff busca uma vitória inédita em seu terceiro duelo com Halep

Foto: Mutua Madrid Open

Madri (Espanha) - A tunisiana Ons Jabeur e a suíça Belinda Bencic venceram jogos duros na rodada deste sábado pelo WTA 1000 de Madri e garantiram suas vagas nas oitavas de final do torneio em quadras de saibro na capital espanhola. Elas agora se enfrentam na próxima fase da competição. Bencic venceu os dois duelos anteriores, um deles na final do WTA 500 de Charleston há três semanas.

A oitava vitória seguida de Bencic no circuito veio após uma partida de 2h46 contra a tcheca Karolina Muchova, 67ª colocada, mas jogando com ranking protegido em Madri. A número 13 mundo foi bastante exigida pela ex-top 20, mas conseguiu vencer com parciais de 6/3, 4/6 e 7/5. A suíça fez 34 a 22 em winners e cometeu só um erro a mais, 42 a 41, além de ter conseguido três quebras contra duas da rival.

"Já esperava que fosse um jogo duro. Ela é uma jogadora top, mas que sofreu com algumas lesões. Então fico feliz pelo resultado. Sei que preciso melhorar alguns pontos e que perdi um pouco o foco, mas ela fez uma grande partida", disse Bencic, durante a entrevista em quadra. "A cada nova semana, as pessoas não se importam se você vem de título. Isso não importa quando a gente entra em quadra. É por isso que o tênis é tão emocionante".

A vitória de Jabeur também veio após altos e baixos. Número 10 do mundo e oitava cabeça de chave, a tunsiana superou a jovem de 21 anos e 73ª do ranking Varvara Gracheva por 7/5, 0/6 e 6/4. O jogo teve 13 quebras, 7 a 6 para Gracheva, e um total de 26 break-points, sendo 17 para a tunisiana.

Gauff e Anisimova também vencem em três sets
No jogo que encerrou a programação deste sábado, a jovem norte-americana de 18 anos Coco Gauff, 16ª do ranking, bateu a cazaque Yulia Putintseva por 6/1, 2/6 e 6/4 em 2h21 de partida. Gauff é a próxima adversária da romena Simona Halep, ex-líder do ranking e bicampeã em Madri. A romena de 30 anos e atual 21ª do ranking venceu os dois duelos anteriores contra a jovem rival.

"Na última vez que enfrentei a Yulia fomos ao terceiro set. Então, eu sabia que seria um jogo difícil, já que ela não larga o jogo de jeito nenhum. Fico muito feliz por ter vencido", disse Gauff, na entrevista em quadra. "Depois do primeiro set, acho que cometi mais erros. E precisei repensar minha maneira de jogar, porque ela usa golpes pouco convencionais".

Outra jovem norte-americana a avançar em Madri foi Amanda Anisimova, de 20 anos e 33ª do ranking. Ela superou a croata Petra Martic por 3/6, 6/3 e 6/2. Sua próxima adversária será a ex-número 1 do mundo Victoria Azarenka.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva