Notícias | Dia a dia
Jogadora do Quirguistão é suspensa por 16 anos
29/04/2022 às 21h01

Ksenia Palkina, de 32 anos, chegou a ocupar o 163º lugar do ranking em 2009

Foto: Arquivo

Londres (Inglaterra) - A Agência Internacional de Integridade do Tênis (ITIA) anunciou nesta sexta-feira que a jogadora do Quirguistão Ksenia Palkina está suspensa das competições por 16 anos, com possibilidade de reduzir a pena para 10 anos, e multada em US$ 100 mil por manipulação de resultados.

Palkina, de 32 anos, admitiu ter manipulado resultados de jogos entre 2018 e 2019 e já estava suspensa de maneira preventiva desde novembro de 2019. Seu melhor ranking em simples foi o 163º lugar, alcançado ainda em 2009.

Ao todo, a jogadora cometeu cinco violações ao Programa Anticorrupção do tênis que envolvem situações como oferecer informações a apostadores, aceitar ou oferecer dinheiro para que um jogador não utilize seus melhores esforços, tentar tramar o resultado ou de qualquer outro aspecto das partidas e não denunciar abordagens corruptas às autoridades.

O caso foi julgado pelo oficial independente Richard McLaren e a sanção significa que a jogadora está proibida de disputar ou comparecer a qualquer evento de tênis autorizado ou sancionado por qualquer órgão regulador internacional do esporte ou associação nacional durante seu afastamento.

A proibição vai da data da suspensão provisória da tenista. Caso não infrinja ainda mais as regras do Programa Anticorrupção de Tênis, ela poderá retirar seis anos da pena e ser autorizada a voltar a frequentar o circuito em 21 de novembro de 2029.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva