Notícias | Dia a dia
Raducanu anuncia fim da parceria com Torben Beltz
26/04/2022 às 14h53

Raducanu chegou às quartas em Stuttgart e está com o melhor ranking da carreira

Foto: Porsche Tennis Grand Prix

Madri (Espanha) - Apesar de ter feito uma boa campanha na semana passada em Stuttgart, chegando às quartas de final, e de ter atingido o melhor ranking da carreira, o 11º lugar, Emma Raducanu vai passar por mais uma mudança de treinador. A atual campeã do US Open decidiu encerrar a parceria que tinha que o alemão Torben Beltz, ex-técnico de Angelique Kerber. O trabalho durou apenas cinco meses.

"Quero agradecer ao Torben por seu treinamento, profissionalismo e dedicação ao longo do último semestre. Ele tem um coração enorme e eu gostei da nossa forte química durante o tempo que passamos juntos", disse Raducanu, que agora vai trenar com técnicos da LTA (Lawn Tennis Association, a associação britânica da modalidade) até a definição de um novo treinador de tempo integral.

"Sinto que a melhor direção para o meu desenvolvimento é fazer a transição para um novo modelo de treinamento com o suporte da LTA", disse a jovem jogadora de 19 anos. Ela está atualmente em Madri para a disputa do WTA 1000 a partir de quinta-feira e tem a companhia do técnico Iain Bates, chefe do tênis masculino da LTA.

Raducanu teve o início de temporada prejudicado por problemas físicos nos últimos meses, como as bolhas nas mãos durante o Australian Open e uma lesão nas costas no WTA de Guadalajara. Segundo o jornal The Times, ela passou alguns dias na Itália, treinando nas quadras de saibro da academia de Riccardo Piatti logo depois de ter sofrido uma eliminação precoce em Miami. Piatti, de 63 anos, é ex-técnico de Maria Sharapova e recentemente trabalhou com Jannik Sinner.

Raducanu tinha impressões positivas sobre Beltz
Na semana passada em Stuttgart, Raducanu havia feito uma avaliação positiva do trabalho. Apesar de ter pouquíssima experiência no saibro, ela conseguiu duas vitórias e só foi superada pela número 1 do mundo Iga Swiatek nas quartas de final. "Acho Torben uma ótima pessoa. Ele traz muita energia boa e é muito positivo o tempo todo", comentou a britânica há oito dias. "Sinto que às vezes sou muito dura comigo mesma e espero muito de mim mesma, e preciso lembrar que estou fazendo um bom trabalho. Então, ele me ajuda muito com a experiência de que tem tantos anos no circuito".

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva