Notícias | Beach Tennis
Rio vê exibição do Beach Tennis Adaptado
23/04/2022 às 08h21

Rio de Janeiro (RJ) - O Follow the Beach Copacabana realizou, na noite desta sexta-feira, a apresentação do Beach Tennis Adaptado na quadra central montada na praia de Copacabana.

Pentacampeão mundial do beach tennis, Alessandro Calbucci participou do jogo junto com Tazio de Carvalho e Alexandre Knella, o primeiro com sequelas de poliomielite e o outro amputado que participa de altinha sentado, e o jogador profissional portorriquenho Carlos Rivera.

"Como no vôlei, é muito emocionante. Começamos depois do Parapan em 2007 e conseguimos desenvolver. Hoje está caminhando e ganhou o mundo. Calbucci me procurou para fazermos essa apresentação e queria agradecer a ele e ao Follow ,que é um evento maravilhoso. Nós demos um pontapé inicial, agora temos que levar até o gol", disse Débora Morand, que criou e cuida do Vôlei Sentado de Praia no Rio de Janeiro e está dando iniciação e testando essa nova modalidade na capital fluminense.

No Beach Tennis Adaptado, a rede tem 1m30m de altura, mais baixa que as habituais de 1m70m do beach feminino e do 1m80 do masculino, e a quadra é menor, 4 metros de comprimento por 5 de largura (8x5 é o tamanho total).

Tazio de Carvalho comemorou a realização do evento. "A semente foi plantada. Hoje não teve vencedor ou perdedor, quem ganhou foi o beach tennis. Quero agradecer ao Calbucci a oportunidade, ao Gian Luca Padovan, à Debora."

Alexandre Knella completou: "É a primeira vez que estamos jogando com o Calbucci e isso não é um passo, mas sim uma raquetada enorme. Só tenho a agradecer, estou muito feliz, em êxtase."

Rivera destacou: "É muito divertido, as pessoas não sabem o bom que é isso. Ccreio que tem muito futuro o esporte adaptado."

O dia contou também com a apresentação do projeto social Semeartes, da comunidade da Rocinha, na Zona Sul do Rio, que existe há nove anos, com 120 crianças carentes, e oferece aulas de dança, teatro e música.

"Nossos alunos ficaram encantados pois não conheciam muito sobre o esporte. Esse evento abriu a visão de um novo mundo para eles. Saíram se sentindo especiais e muito bem acolhidos", disse Talita Santos, organizadora do projeto social.

Comentários