Notícias | Dia a dia
Juvenis brasileiros jogam quartas no piso duro
30/03/2022 às 21h57

O juvenil de 16 anos Lucca Pignaton já foi parceiro de treinos de profissionais de alto nível como Sloane Stephens

Foto: Reprodução/Instagram

Cancun (México) - Dois juvenis brasileiros alcançaram as quartas de final em torneios da Federação Internacional disputados em quadras de piso duro. Paulo Hugo Etchecoin atua no ITF J3 de Cancun, no México, que vale 100 pontos no ranking mundial da categoria. Já Lucca Pignaton atua pelo ITF J5 de Tegucigalpa, em Honduras, valendo 30 pontos no ranking.

Etchecoin marcou sua terceira vitória na semana. O jogador de 17 anos superou o mexicano Luciano Alcocer, cabeça 4 do torneio, por 6/4 e 6/0. Durante a semana, ele já passou pelo venezuelano Oscar Martinez de Freitas e pelo britânico Wil Jenkins. Seu próximo adversário é o japonês Reiya Hattori.

Já Pignaton é o cabeça 4 em Tegucigalpa e venceu o mexicano Alejandro Ochoa por 7/6 (10-8) e 6/4. Seu próximo adversário é o polonês Maciej Zarebski, sétimo cabeça de chave nesta semana. O brasileiro de 16 anos já atuou como parceiro de treinos de profissionais como Sloane Stephens, Shelby Rogers e Kevin Anderson.

Dois brasileiros caíram nas oitavas de final. Tiago Lima foi superado pelo salvadorenho Cesar Cruz, principal cabeça de chave do torneio, por duplo 6/3. Já Thales Setti perdeu para o guatemalteco Marcos Castellanos, cabeça 2, por 6/1 e 6/2.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva