Notícias | Dia a dia
Osaka avança com 13 aces e terá Bencic na semi
29/03/2022 às 21h26

Osaka ainda não perdeu sets no torneio e já faz sua melhor campanha em Miami

Foto: Jimmie48/WTA

Miami (EUA) - Em uma partida bastante tranquila nesta terça-feira, Naomi Osaka garantiu seu lugar na semifinal do WTA 1000 de Miami. A japonesa precisou de apenas 59 minutos para marcar as parciais de 6/2 e 6/1 contra a norte-americana Danielle Collins, número 11 do mundo.

Durante a rápida apresentação, Osaka disparou 13 aces e não enfrentou break-points, perdendo apenas dez pontos em seus games de serviço. A japonesa conseguiu cinco quebras em oito games de saque de Collins, também liderou a estatística de winners por 25 a 18 (com 12 a 10 no primeiro set) e cometeu apenas três erros contra 16 da rival.

Osaka enfrentará na semifinal a suíça Belinda Bencic, 28ª do ranking. Nenhuma das jogadoras perdeu sets na campanha em Miami até aqui. Bencic lidera o histórico de confrontos entre elas por 3 a 1, com três vitórias em 2019. A japonesa só venceu no primeiro encontro entre elas, disputado ainda em 2013.

"Foi a minha primeira partida à noite no torneio, então eu não sabia como seriam as condições hoje, mas estou muito feliz por ter avançado", disse Osaka, que já passou por Astra Sharma, Angelique Kerber e Alison Riske em Miami. Ela também contou com a desistência de Karolina Muchova na terceira rodada.

Esta já é a melhor campanha de Osaka em Miami, superando as quartas de final do ano passado. A ex-número 1 do mundo aparece atualmente no 77º lugar do ranking e já está recuperando posições. Ela defendia 215 pontos, mas já fez 390 e deve voltar ao top 60. A jogadora de 24 anos pode até se aproximar do top 30 em caso de título.

Collins faz seu primeiro torneio desde a Austrália

Já Danielle Collins disputou em Miami seu primeiro torneio desde a ótima campanha até a final do Australian Open, em que só foi superada pela número 1 do mundo Ashleigh Barty. A norte-americana de 28 anos justificou a ausência nos últimos torneios por uma doença viral.

Depois de passar por Anna Bondar, Vera Zvonareva e pela top 10 Ons Jabeur, ela se queixou de dores no pescoço na partida contra Osaka, precisando de atendimento no intervalo entre os sets e também nas viradas de lado durante a segunda parcial. Seu objetivo até o fim do ano é chegar ao top 5 do ranking.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva