Notícias | Dia a dia
Kontaveit e Sabalenka também perdem na estreia
25/03/2022 às 00h03

Sabalenka voltou a ter problemas com o saque nesta quinta-feira

Foto: Divulgação

Miami (EUA) - A rodada desta quinta-feira terminou trágica para as cabeças de chave no WTA 1000 de Indian Wells. Nos dois últimos jogos de uma dia marcado por muitas eliminações de favoritas, as números 5 e 7 do mundo, Aryna Sabalenka e Anett Kontaveit foram eliminadas ainda na estreia do torneio. Com isso, o dia terminou com 11 derrotas de cabeças de chave.

Sabalenka era a cabeça 1 de Miami, já que o sorteio da chave foi realizado no ranking da semana anterior ao torneio. Ela foi superada pela experiente romena de 31 anos Irina Begu, 70ª colocada, que marcou um duplo 6/4 em 1h40 de partida. Begu, que voltou a vencer uma top 10 após quatro anos, enfrentará na próxima fase Aliaksandra Sasnovich, que derrotou a cabeça 25 Daria Kasatkina por 7/6 (7-5) e 6/4.

Embed from Getty Images

Assim como já vinha acontecendo em outros torneios da temporada, Sabalenka foi bastante instável no saque. No set inicial, fez quatro aces e quatro duplas faltas e cometeu quatro duplas faltas. Ela perdeu um break-point ainda no início do jogo e acabou sendo quebrada de zero no sétimo game da partida. Mesmo fazendo dez winners a mais que a rival no set, 14 a 4, não teria chances de buscar o empate.

Durante o segundo set, Sabalenka fez mais quatro duplas faltas, terminando a partida com oito no total, e pagou caro pelo mau aproveitamento nos break-points. A bielorrussa teve seis oportunidades de quebra e não aproveitou nenhuma delas. Já a romena, que conseguiu uma quebra cedo para fazer 3/1, foi confirmando seus serviços mesmo com muita pressão, definiu a vitória em sets diretos. Sabalenka fez 26 a 8 em winners, mas cometeu 34 erros contra apenas 7.

Kontaveit levou 'pneu' da jovem Ann Li
Praticamente ao mesmo tempo, Anett Kontaveit também foi eliminada. A estoniana perdeu para a jovem norte-americana de 21 anos e 65ª do ranking Ann Li por 6/0, 3/6 e 6/4 em 1h51. Li marcou sua primeira vitória contra top 10 e terá um duelo norte-americano contra Alison Riske, 50ª do ranking, que bateu a francesa Alizé Cornet por duplo 6/2. As duas compatriotas já se enfrentaram duas vezes, com uma vitória para cada lado.

Nada deu certo para Kontaveit no primeiro set. A estoniana fez três duplas faltas e venceu apenas quatro dos 16 pontos disputados com seu próprio saque, permitindo três quebras de serviço à rival. Além disso, perdeu todos os quatro break-points que teve na parcial.

A estoniana reagiu no segundo set, com 70% de primeiros serviços em quadra e sem enfrentar break-points durante toda a parcial. Mais consistente do fundo, terminou o set com 8 winners e apenas 4 erros não-forçados, enquanto Li cometeu dez erros. Kontaveit teve duas chances de quebra e aproveitou uma.

Já no terceiro set, Kontaveit abriu 2/0, mas permitiu a virada para 3/2. A estoniana sacou bem no sexto game, mas perdeu três oportunidades de quebrar de novo na sequência. As chances perdidas custaram caro para a estoniana que voltaria a sofrer pressão no saque quando perdia por 5/4. Li errou uma devolução de segundo serviço em seu primeiro match-point, mas seguiu atacando o saque da estoniana, fez um ótimo winner na paralela e não deixou a segunda chance escapar. A norte-americana fez 31 a 20 em winners e quebrou cinco vezes em seis chances, enquanto Kontaveit teve 12 break-points e só aproveitou doi.

Apenas Jabeur, Collins e Bencic sobreviveram
Além de Kontaveit e Sabalenka, também perderam na rodada Karolina Pliskova, Emma Raducanu, Angelique Kerber, Elina Svitolina, Leylah Fernandez, Tamara Zidansek, Daria Kasatkina, Alizé Cornet e Sara Sorribes. Isso sem contar as desistências de Simona Halep, Camila Giorgi e Garbiñe Muguruza. Já as sobreviventes foram Ons Jabeur, Danielle Collins e Belinda Bencic.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva