Notícias | Dia a dia
Com grande atuação, Halep é primeira semifinalista
16/03/2022 às 21h41

Halep não sofreu quebras de saque e cedeu apenas quatro pontos com o primeiro serviço

Foto: Jimmie48/WTA

Indian Wells (EUA) - No jogo que abriu a rodada das quartas de final do WTA 1000 de Indian Wells, Simona Halep teve uma grande atuação e já assegurou um lugar na semifinal. Campeã do torneio em 2015 e ex-número 1 do mundo, a romena precisou de apenas 53 minutos para vencer a croata Petra Martic, 79ª colocada, por duplo 6/1.

Halep está com 30 anos e aparece atualmente no 26º lugar do ranking. Ela tem 23 títulos no circuito e busca a 42ª final da carreira. A experiente romena agora espera pela vencedora da partida entre a polonesa Iga Swiatek, número 4 do mundo, e a norte-americana Madison Keys, 29ª colocada. Ela lidera o histórico contra Swiatek por 2 a 1 e contra Keys por 5 a 2.

O início de temporada tem sido bom para Halep, que já venceu um WTA 250 em Melbourne e também chegou à semifinal no WTA 500 de Dubai. Ela tem 15 vitórias e apenas três derrotas neste começo de 2022. No Australian Open, a ex-líder do ranking chegou às oitavas. Já no primeiro WTA 1000 do ano, disputado há três semanas em Doha, a romena não passou da estreia.

Já a eliminada Martic completou 31 anos em janeiro e já chegou a ser número 14 do mundo há pouco mais de duas temporadas. A experiente croata vinha de jogos longos em Indian Wells e eliminou duas cabeças de chave, Emma Raducanu e Liudmilla Samsonova. Este foi o quarto jogo entre Halep e Martic no circuito, com a terceira vitória da romena. Há quatro anos, elas também se enfrentaram em Indian Wells e Halep precisou de 2h23 para avançar.

"Acho que joguei minha melhor partida neste ano. Sabia que poderia ter um jogo difícil contra ela. Em 2018, fizemos um jogo muito mais longo e mais difícil, mas hoje eu me senti ótima e estava muito focada", disse Halep na entrevista em quadra. "Quando entrei em quadra, sabia que as minhas devoluções precisariam ser boas porque ela tem um ótimo saque, com quique alto, e para alguém da minha altura não é fácil devolver. Antes do jogo eu treinei muitas devoluções, tanto ontem quanto hoje de manhã, e tudo correu bem".

Durante toda a partida, Halep apresentou um jogo muito consistente do fundo de quadra e trabalhava os pontos com paciência e qualidade. A romena sabia o momento exato para executar cada golpe ou para buscar bolas de definição. Ela fez o triplo de winners que sua adversária, 18 a 6, conseguiu cinco quebras de serviço e não perdeu games de saque, apesar de ter enfrentado três break-points no jogo. A romena cedeu apenas 11 pontos em seu serviço e somente quatro quando colocou o primeiro saque em quadra.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva