Notícias | Dia a dia
Medvedev cede virada a Monfils e perde nº 1 para Djoko
14/03/2022 às 17h25

Monfils enfrentará o jovem espanhol Carlos Alcaraz na próxima rodada

Foto: BNP Paribas Open

Indian Wells (EUA) - A primeira passagem de Daniil Medvedev pela liderança do ranking da ATP será breve. Apenas duas semanas depois de se tornar o novo número 1 do mundo, ele sofreu uma eliminação precoce no Masters 1000 de Indian Wells e será ultrapassado por Novak Djokovic na próxima segunda-feira. Medvedev foi superado pelo francês Gael Monfils, ex-top 10 e atual 28º colocado, com parciais de 4/6, 6/3 e 6/1 em 2h06 de partida.

Medvedev precisava chegar pelo menos às quartas de final em Indian Wells para não perder a liderança. Apesar de os pontos conquistados na edição passada do torneio valerem até outubro, ele terá o desconto de 250 pontos do título do ATP de Marselha de 2021 no dia 21 de março. E sua diferença para Djokovic no ranking é atualmente de 150 pontos. Por ter chegado à terceira rodada na Califórnia, ele faz 45 pontos e fica 55 atrás do sérvio.

Algoz de Medvedev nesta segunda-feira, Monfils está com 35 anos e já foi número 6 do mundo. Vencedor de 11 títulos no circuito da ATP, o veterano francês superou o rival pela segunda vez em três jogos e tem agora 34 vitórias contra top 10 na carreira. Ele enfrenta nas oitavas de final o jovem espanhol de 18 anos e já 19º do ranking Carlos Alcaraz. O confronto é inédito no circuito.

Superior durante o primeiro set, Medvedev aproveitou o único break-point que teve, quando o placar já estava empatado por 4/4 e terminou a parcial vencendo oito pontos seguidos. Ele fez só um winner a mais que Monfils, mas cometeu apenas seis erros não-forçados contra 20 do francês.

Logo na abertura do segundo set, Monfils escapou de um break-point. Na sequência, conseguiu uma quebra e abriu 3/1. O francês perdeu o saque logo depois, em um game muito longo, e cedeu o empate por 3/3, mas depois retomou o controle das ações na partida e venceu os últimos três games da parcial, com 12 pontos em 16 possíveis. O francês fez 8 a 5 em winners e cometeu um erro a mais, 14 a 13.

O início do terceiro set foi de muitos erros não-forçados e duplas faltas por parte de Medvedev, e assim Monfils aproveitou a chance para logo conseguir duas quebras e abrir 4/0 no placar. O francês não enfrentou break-points no último set. A pressão sobre o saque do líder do ranking era constante e o francês teve seis match-points no serviço do adversário até finalmente fechar o jogo. Ele liderou a contagem de winners da partida por 21 a 17 e cometeu 44 erros contra 37. Monfils quebrou cinco vezes no jogo em 14 break-points e só perdeu o saque duas vezes. Já Medvedev fez seis duplas faltas na partida, quatro no último set.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva