Notícias | Copa Davis
Zverev entra no time da Davis e enfrenta o Brasil
27/02/2022 às 10h14

Zverev disputará um confronto de Copa Davis pela primeira vez desde 2019

Foto: Arquivo

Rio de Janeiro (RJ) - A Federação de Tênis da Alemanha confirmou na manhã deste domingo que o número 3 do mundo Alexander Zverev vai se juntar à equipe que enfrentará o Brasil pelo qualificatório mundial da Copa Davis. O confronto será disputado no próximo final de semana, em quadra de saibro instalada no Centro Olímpico de Tênis do Rio de Janeiro especificamente para esses jogos. Quem vencer disputará a fase de grupos da Davis, entre os dias 14 a 18 de setembro.

A informação de que Zverev viria ao Brasil para jogar a Davis foi divulgada inicialmente no sábado pelo comentarista Sylvio Bastos, da ESPN, e confirmada neste domingo pela federação alemã. De acordo com a nota da entidade, a recente desclassificação do ATP 500 de Acapulco no início da semana acabou possibilitando o cenário em que teve tempo hábil para se adaptar às condições. A federação diz ainda que o tenista de 24 anos rapidamente declarou sua disposição de se juntar à equipe contra o Brasil.

O capitão Michael Kohlmann já havia falado com Zverev em Melbourne sobre possíveis cenários em que ele pudesse integrar a equipe da Davis, competição que não disputa desde 2019, mas também comentou sobre os recentes atos de indisciplina do jogador. "Estamos felizes que Alexander esteja aqui. Seu comportamento em Acapulco foi inquestionavelmente inaceitável e errado. Ele reconheceu isso e se desculpou por isso. Agora queremos ajudá-lo como equipe a passar por essa fase difícil", disse Kohlmann.

Zverev, vai se juntar a Jan-Lennard Struff, Oscar Otte, Kevin Krawietz e Tim Putz. Como apenas cinco jogadores podem ser oficialmente indicados, Daniel Altmaier não está mais no elenco. Mesmo sem contar com seu principal jogador, a Alemanha foi semifinalista na última edição da Copa Davis, que teve sua fase final disputada em Madri, no ano passado. Já a equipe brasileira terá Thiago Monteiro, Thiago Wild, Felipe Meligeni, Marcelo Melo e Bruno Soares, sob o comando do capitão Jaime Oncins.

Comentários