Notícias | Dia a dia
Algoz de Raducanu, Saville tenta recuperar posições
23/02/2022 às 23h55

Daria Saville já foi top 20 no ranking, mas está voltando de lesão e ocupa o 610º lugar

Foto: WTA Guadalajara

Guadalajara (México) - Algoz da principal favorita Emma Raducanu na primeira rodada do WTA 250 de Guadalajara, a australiana Daria Saville tenta recuperar a confiança e posições depois de sofrer com problemas físicos. Ex-número 20 do mundo, ela está voltando ao circuito após lesão e cirurgia no tendão de Aquiles e, por isso, aparece apenas no 610º lugar do ranking.

A tenista de 27 anos e nascida na Rússia usava o sobrenome Gavrilova, antes de se casar com Luke Saville no ano passado. Ela ficou nove meses sem jogar na última temporada, desde o Australian Open de 2021 até a Copa Billie Jean King em novembro. Já neste início de temporada, chegou a furar um quali de WTA em Adelaide e jogou torneios menores na tentativa de recuperar ritmo e confiança.

"Esta foi provavelmente a primeira partida em muito tempo em que senti que estava sendo eu mesma dentro da quadra. Eu só quero continuar trabalhando e continuar aqui", disse Saville, que vencia Raducanu por 5/7, 7/6 (7-4) e 4/3 antes de a britânica abandonar a partida da última terça-feira por lesão no quadril esquerdo. O jogo já tinha 3h36 de duração.

Saville tem um título de WTA, conquistado nas quadras duras de New Haven em 2017, mesmo ano em que chegou a ser número 20 do mundo. Ela tem outras três finais no circuito e chegou duas vezes às oitavas do Australian Open. A ex-líder do ranking juvenil terminou quatro temporadas seguidas entre as 40 do mundo, antes de começar a sofrer com lesões em 2019. Sua próxima rival é a norte-americana Caroline Dolehide.

Chinesas têm rumos opostos no torneio
Duas jogadoras chinesas tiveram rumos opostos na abertura da rodada das oitavas de final. A experiente Qiang Wang, de 30 anos e ex-número 12 do mundo, venceu a francesa Harmony Tan por 6/4 e 6/2 para chegar às quartas. Wang é a atual 144ª do ranking. Sua próxima rival virá do jogo entre a eslovaca Anna Karolina Schmiedlova a russa Anastasia Potapova.

Já a jovem Xinyu Wang, de apenas 20 anos e 94ª colocada, perdeu para a russa Anna Kalinskaya por 6/4, 0/6 e 6/4. Kalinskaya espera pela vencedora entre a colombiana Camila Osorio e a norte-americana Hailey Baptiste. Também avançou a tcheca Marie Bouzkova, 96ª do ranking, que venceu a italiana Lucia Bronzetti por 7/6 (7-2) e 6/2. Ela pode enfrentar nas quartas a espanhola Sara Sorribes, cabeça 3, ou a polonesa Magdalena Frech.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva