Notícias | Dia a dia
Dois ex-top 50 acompanham filhos no Banana Bowl
22/02/2022 às 21h13

Carlos e Max Kirmayr viajam juntos no circuito juvenil da América do Sul

Foto: Luiz Candido/CBT

Criciúma (SC) - Dois sobrenomes chamam a atenção nas disputas das categorias 14 e 16 anos do Banana Bowl, realizado nas quadras do Clube Mampituba, em Criciúma (SC): Kirmayr e De La Peña. Os amantes do tênis não demoram a reconhecer que são nomes que marcaram a história do esporte no continente.

Max Kirmayr é filho de Carlos Kirmayr, um dos maiores tenistas da história do Brasil, que chegou a ser 36º do mundo no ranking de simples da ATP. E Bautista de la Peña é filho do argentino Horacio de la Peña, que chegou a 31º do ranking. Os dois ídolos do esporte estão no sul de Santa Catarina acompanhando os filhos.

"É ótimo olhar para o lado e ver ele na minha quadra. Tenho ele como inspiração para olhar e saber onde quero chegar quando crescer. Ele está sempre contando histórias e é uma grande referência", comenta Max, que compete na categoria 16 anos. "Minha profissão é ser treinador, mas é claro que também sou pai. Por ser meu filho, as emoções às vezes são um pouco mais fortes ao assistir os jogos. Então, é preciso ter esse equilíbrio como treinador e também como pai, com a torcida para que dê tudo certo", afirma Carlos.

Na categoria 14 anos, Bautista de la Peña tenta seguir os passos do pai, que foi um dos grandes tenistas da Argentina. "Sou muito agradecido por ter um pai como ele, agradeço a cada segundo e fico feliz por ter ele me ajudando", diz o jovem. "Eu sei que é um caminho muito duro e perguntei a ele se ele tinha certeza que queria ser um jogador de tênis, ainda mais comigo, que sou muito duro e exigente. Mas é uma relação muito linda. Tive a sorte de ter um pai muito presente quando era pequeno e jogava tênis, e agora é algo que também estamos fazendo juntos", completa Horacio.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva