Notícias | Dia a dia
Ostapenko dá 'pneu' em Halep e joga final de Dubai
18/02/2022 às 12h09

Ostapenko derrotou quatro campeãs de Grand Slam no caminho para a final

Foto: DDF Tennis Championships

Dubai (Emirados Árabes) - A série de vitórias de Jelena Ostapenko contra campeãs de Grand Slam ficou ainda maior nesta sexta-feira, quando ela venceu seu quarto jogo seguido no WTA 500 de Dubai e garantiu vaga na final da competição. Depois de ter superado Sofia Kenin, Iga Swiatek e Petra Kvitova, a letã também derrotou Simona Halep por 2/6, 7/6 (7-0) e 6/0 em 1h36 de partida.

Foi a segunda vitória de Ostapenko em três jogos contra Halep no circuito, sendo que a letã também havia vencido o duelo mais importante entre elas, a final de Roland Garros de 2017. Ex-número 5 e atual 21ª do ranking, ela voltará ao top 20 pela primeira vez desde outubro de 2018. Na semana passada, também jogou uma semifinal no WTA 500 de São Petersburgo.

Ostapenko está com 24 anos e tem quatro títulos no circuito da WTA, o mais recente na grama de Eastbourne no ano passado. Ela disputará sua 11ª final da carreira. Sua adversária na final deste sábado ao meio-dia (de Brasília) será a russa Veronika Kudermetova, 31ª do ranking, em confronto inédito no circuito. Kudermetova, de 24 anos, tem um título e dois vices no circuito. A russa nem precisou entrar em quadra, beneficiada pela desistência da tcheca Marketa Vondrousova, 38ª colocada, que sentiu uma lesão no adutor da perna direita.

"Estou muito feliz pela maneira como eu lutei hoje. Ela é uma grande jogadora, sabia que seria uma partida muito difícil e que eu teria que manter um alto nível o tempo todo. Acho que fiz isso muito bem e fico feliz por isso", disse Ostapenko, na entrevista em quadra. 

"Eu enfrentei campeãs de Grand Slam em todas as rodadas, então não foi uma chave fácil. Todas as partidas foram muito difíceis. Mas eu estava pronta para lutar muito. Mas estava com a mentalidade certa, mesmo que eu não estivesse me sentindo tão bem, porque estou jogando simples e duplas nesta semana. Mas eu só lutei muito e tentei ganhar o jogo", acrescenta a letã, que joga duplas ao lado da ucraniana Lyudmyla Kichenok nesta semana.

Já Simona Halep sofreu apenas sua segunda derrota em 13 jogos neste início de temporada. Bicampeã em Dubai, a experiente romena de 30 anos e ex-número 1 do mundo aparece atualmente no 23º lugar do ranking e não havia perdido sets na campanha até a semifinal. Este ano, Halep já venceu um um WTA 250 em Melbourne.

O início de partida foi muito bom para Halep, que não enfrentou break-points durante o primeiro set e cometeu apenas três erros não-forçados contra 20 de Ostapenko. Isso compensou o menor número de winners, três contra nove da letã, além de a romena ter aproveitado as duas oportunidades de quebra que teve.

O segundo set foi o mais equilibrado da partida, com uma quebra para cada lado. Ostapenko abriu 3/0, mas permitiu o empate no sexto game. Halep salvou dois set-points quando perdia por 6/5, mas Ostapenko dominou o tiebreak. A letã fez 18 winners na parcial, um deles com a devolução de backhand na paralela no set-point, contra só três de Halep.

Depois de ter feito 20 erros no primeiro set e mais 23 no segundo, Ostapenko foi muito mais consistente do fundo de quadra na parcial decisiva, errando apenas seis bolas, e terminando o jogo com 49 erros não-forçados. Por sua vez, Halep sofria bastante nos games de serviço e só venceu três pontos com o próprio saque no último set. A romena também só conseguiu duas bolas vencedoras no último set e não resistiu ao volume de jogo da letã, que liderou a contagem de winners por 36 a 8. Halep terminou a partida com 20 erros não-forçados.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva