Notícias | Dia a dia
Aliassime mantém embalo e bate Tsonga na estreia
17/02/2022 às 14h30

Aliassime marcou sua sexta vitória seguida no circuito

Foto: Corinne Dubreuil

Marselha (França) - Depois de conquistar seu primeiro título no último domingo, em Roterdã, Felix Auger-Aliassime estreou com vitória no ATP 250 de Marselha. Terceiro cabeça de chave do torneio em quadras duras e cobertas e número 9 do mundo, o canadense de 21 anos venceu um duelo de gerações contra o francês Jo-Wilfried Tsonga, ex-top 10 e atual 243º do ranking aos 36 anos, por 7/6 (7-3) e 6/2 em 1h43 de partida nesta quinta-feira.

Depois de um primeiro set com uma quebra para cada lado antes da definição no tiebreak, Aliassime estabeleceu o domínio da partida na parcial seguinte. Durante o segundo set, o canadense só perdeu um ponto em seus games de serviço, além de ter conseguido duas novas quebras. Ele terminou a partida com sete aces, criou dez break-points no jogo e enfrentou apenas um.

Esta foi a sexta vitória seguida de Aliassime no circuito. O canadense enfrenta nas quartas de final o bielorruso Ilya Ivashka, 49º do ranking, que derrotou o italiano Stefano Travaglia por 6/1 e 6/3. O confronto entre eles é inédito no circuito profissional.

Depois de sofrer com muitos problemas físicos nos últimos anos, Jo-Wilfried Tsonga retornou recentemente ao circuito. No início de fevereiro, em Montpellier, conseguiu sua primeira vitória em 11 meses no circuito da ATP. Ele só havia disputado duas partidas durante todo o ano de 2020, por conta da pandemia de uma lesão crônica nas costas. Já no ano passado, jogou nove partidas, com somente uma vitória, e encerrou a temporada logo depois de Wimbledon devido a uma lesão na perna direita. Já em Marselha, onde é tricampeão, estreou vencendo um duelo francês contra Gilles Simon.

"O Felix de 8 anos sonhava com essa partida. Foi incrível dividir a quadra com meu ídolo de infância", escreveu Aliassime no Twitter. Ele também falou de sua admiração por Tsonga na entrevista coletiva. "Eu disse ao Jo que ele era o meu ídolo, nunca tinha contado isso a ele pessoalmente. Ele me disse para não ser tímido e que eu posso chegar ao topo".

Bonzi desafia Karatsev nas quartas de final do torneio
Quem também garantiu vaga nas quartas de final foi o francês Benjamin Bonzi, cabeça 9 do torneio e 69º do ranking. Ele venceu o compatriota Pierre-Hugues Herbert por 6/4 e 6/3. Bonzi enfrenta na próxima fase o russo Aslan Karatsev, quarto cabeça de chave e número 15 do mundo.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva