Notícias | Dia a dia
Collins entra no top 10, Krejcikova e Swiatek sobem
31/01/2022 às 18h49

Collins saltou 20 posições no ranking depois de chegar à final em Melbourne

Foto: Arquivo

Miami (EUA) - Depois de fazer a melhor campanha da carreira em um Grand Slam, ao alcançar a final do Australian Open, a norte-americana Danielle Collins também superou seu recorde pessoal no ranking. Ela saltou vinte posições e debutou no top 10, ocupando agora a décima colocação.

Outras duas integrantes do top 10 subiram no ranking. A tcheca Barbora Krejcikova ganhou uma posição e agora é a número 3 do mundo. Logo atrás aparece a semifinalista Iga Swiatek, que ultrapassou cinco jogadoras para assumir o quarto lugar. A polonesa, entretanto, tem 470 pontos a defender nesta semana e deve perder algumas posições na próxima segunda-feira.

Por outro lado, a espanhola Garbiñe Muguruza foi ultrapassada por quatro jogadoras e agora é a sétima do ranking. Já a estoniana Anett Kontaveit perdeu duas posições de caiu para o nono lugar. No topo do ranking, a australiana Ashleigh Barty aumentou a vantagem na liderança para a bielorrussa Aryna Sabalenka após o título em Melbourne.

O top 20 também teve mudanças, com destaque para as subidas de Emma Raducanu, Jessica Pegula e Victoria Azarenka. A britânica ganhou cinco posições e agora é número 13 do mundo, melhor marca da carreira; a norte-americana também ultrapassou cinco jogadoras e assumiu o 16º lugar. Já a experiente bielorrussa de 32 anos recuperou mais sete posições com a campanha até as oitavas e agora é 18ª do ranking.

Destaque também para a norte-americana Madison Keys, semifinalista em Melbourne, que ganhou 23 posições e agora é a 28ª do ranking. Keys tem recuperado espaço no ranking nas últimas semanas. Ela era 87ª do mundo antes de ser campeã do WTA 250 de Adelaide há duas semanas e entrou no Australian Open como 51ª do mundo. Sua melhor marca é o sétimo lugar, alcançado em 2016.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva