Notícias | Dia a dia | Australian Open
Tsitsipas tenta dar o troco em Medvedev após 1 ano
27/01/2022 às 03h03

Melbourne (Austrália) - Nomes que comandarão o circuito nos próximos anos, o russo Daniil Medvedev e o grego Stefanos Tsitsipas escreverão mais um capítulo nesta nova rivalidade na próxima sexta-feira às 5h30 (horário de Brasília), quando se enfrentarão na segunda semifinal masculina deste ano no US Open, que será um repeteco de uma das semis da temporada passada.

Quase um ano atrás, foi o russo quem levou a melhor sobre Tsitsipas, triunfando em sets diretos. Medvedev foi assim para sua segunda final de Grand Slam, repetindo o feito do US Open de 2019, quando também terminou com o vice. Derrotado naquela partida em Melbourne, o grego conseguiria chegar em uma decisão desse porte meses depois em Roland Garros.

Dois anos mais velho, Medvedev tem feito valer a maior experiência e leva boa vantagem sobre o rival no confronto direto. Embora tenha perdido o último jogo entre eles, nas quartas de Roland Garros, o russo soma seis vitórias e apenas duas derrotas no geral, tendo também vantagem nos encontros realizados nos Grand Slam (2 a 1).

+ Nadal encara Berrettini para ampliar marcas em Slam
+ Tsitsipas celebra vitória e diz não ser amigo de Medvedev

Aos 23 anos e 171 dias, Tsitsipas tenta se tornar o mais jovem campeão do Australian Open desde o espanhol Rafael Nadal, que levantou a taça em 2008 com apenas 22 anos e 243 dias. Ele pode ser o campeão mais novo de Grand Slam desde a conquista do argentino Juan Martin del Potro (20 anos e 355 dias) no US Open de 2009.

Do outro lado, Medvedev pode escrever seu nome caso vença o torneio. Desde o começo da Era Aberta, nenhum tenista conseguiu vencer o Grand Slam seguinte ao de seu primeiro título, algo que só aconteceu no feminino. A última a alcançar tal feito foi a japonesa Naomi Osaka, ao faturar o US Open de 2018 e o Australian Open de 2019.

Comentários