Notícias | Dia a dia | Australian Open
Com grande jogo, Barty faz quartas sem perder sets
23/01/2022 às 06h42

Barty sofreu uma quebra pela primeira vez no torneio, mas venceu com tranquilidade

Foto: Divulgação

Melbourne (Austrália) - Com mais uma grande atuação neste domingo, Ashleigh Barty garantiu seu lugar nas quartas de final do Australian Open e segue sem perder sets na competição. A número 1 do mundo venceu a norte-americana de 20 anos Amanda Anisimova, 60ª do ranking, por 6/4 e 6/3 em 1h16 de partida.

Barty segue na busca por um título inédito em Melbourne e tenta ser a primeira tenista da casa a vencer o torneio desde Chris O'Neil em 1978. A australiana de 25 anos enfrenta nas quartas a norte-americana Jessica Pegula, 21ª do ranking, a quem derrotou na campanha para o título de Roland Garros em 2019. A atual líder do ranking tem ainda mais um troféu de Grand Slam, conquistado em Wimbledon no ano passado.

A vaga nas quartas de final também ajuda Barty na missão de tentar manter a liderança do ranking da WTA. Agora, a número 2 do mundo Aryna Sabalenka precisa conquistar o título e torcer para a australiana não chegar à final para ultrapassá-la, enquanto a quarta colocada Barbora Krejcikova tem que ser campeã e torcer para Barty não chegar à semi.

Já Anisimova repetiu sua melhor campanha da carreira na Austrália, feita em 2019. A jovem norte-americana vinha de vitórias expressivas sobre Naomi Osaka e Belinda Bencic nas fases anteriores. Ela não disputou a edição passada do torneio por ter sido diagnosticada com Covid-19 pouco antes do torneio.

A australiana foi quebrada pela primeira vez no torneio
O primeiro set teve apenas uma quebra, conquistada por Barty já no sétimo game, com direito a um excelente winner com slice. Mas a australiana, que chegou para o duelo das oitavas vinda de seis partidas e 58 games de serviço sem sofrer quebras, correu alguns riscos ao longo do primeiro set. Mas Anisimova acabou cometendo erros com o forehand, especialmente nas devoluções e perdeu suas chances. Cada tenista fez 11 winners no primeiro set e a norte-americana fez 10 erros a mais, 19 a 9.

Anisimova começou o segundo set salvando um break-point e conquistando uma quebra para abrir 2/0 no placar. Isso encerrou uma série de 63 confirmações de saque seguidas de Barty na temporada. Ela não sofria quebras desde o primeiro jogo do ano, contra Coco Gauff em Adelaide.

Mas nem deu tempo de a norte-americana comemorar o feito. Barty devolveu a quebra logo na sequência e ganhou confiança. A australiana usou de todo seu rico arsenal de golpes e variações de altura e peso de bola para assumir o controle da partida e vencer quatro games seguidos. Barty fez 23 a 20 em winners e cometeu 17 erros contra 34 de Anisimova.

Comentários