Notícias | Dia a dia | Australian Open
Collins sai do buraco, vira e tem Mertens pela frente
22/01/2022 às 01h33

Melbourne (Austrália) - Responsável por eliminar a sexta favorita do Australian Open, a estoniana Anett Kontaveit, a jovem dinamarquesa Clara Tauson por pouco também não apronta para cima da norte-americana Danielle Collins, que precisou sair do buraco para bater a rival de apenas 19 anos de virada, com parciais de 4/6, 6/4 e 7/5, depois de 2h37 de batalha.

Cabeça de chave 27, Collins até venceu os três primeiros games da partida, mas foi superada pela rival dinamarquesa, que depois do 1/4 conseguiu uma incrível arrancada e venceu cinco games seguidos para fechar o primeiro set. Tauson manteve o embalo no começo do segundo e chegou a abrir 3/1, mas então foi a vez da norte-americana dar o troco.

Quando o placar apontava 2/4 para a norte-americana, veio a sua arrancada para sair do buraco, vencendo quatro games consecutivos, com duas quebras sobre a jovem adversária. A decisão foi então para um terceiro set muito parelho, definido apenas nos games finais. Collins teve três match-points no saque de Tauson no 10º game e depois mais um no 12º, quando quebrou de zero e selou a virada.



Nas oitavas de final, Collins medirá forças com a belga Elise Mertens, 18ª pré-classificada, que ainda não perdeu set no torneio e neste sábado conquistou uma firme vitória para cima da chinesa Shuai Zhang, gastando 72 minutos para anotar duplo 6/2.

Será a terceira vez que Mertens e Collins medirão forças no circuito e o duelo valerá de tira-teima entre as duas, já que cada uma venceu um dos embates anteriores. A belga levou a melhor no primeiro encontro, na grama de Wimbledon, em 2018. Na temporada passada, foi a vez do troco da norte-americana no WTA 500 de Washington.

Comentários