Notícias | Dia a dia | Australian Open
Barty segue sem sofrer quebras e vai às oitavas
21/01/2022 às 07h03

A australiana não sofre uma quebra de saque desde a partida contra Coco Gauff em Adelaide

Foto: Divulgação

Melbourne (Austrália) - A sequência de jogos sem sofrer quebras de Ashleigh Barty ganhou mais um capítulo nesta sexta-feira, quando a número 1 do mundo manteve seu ótimo desempenho no saque para vencer mais uma partida no Australian Open e chegar às oitavas de final do primeiro Grand Slam da temporada. Barty precisou de apenas 1h01 para derrotar a italiana Camila Giorgi, 33ª do ranking, por 6/2 e 6/3. Com o resultado, ela também mantém seu perfeito histórico contra Giorgi, agora liderando por 4 a 0.

Barty completou seu sexto jogo seguido sem sofrer quebras de serviço, em sete jogos na temporada. Ela só foi quebrada no primeiro jogo do ano, diante da norte-americana Coco Gauff, pelo WTA 500 de Adelaide, há duas semanas. Além disso, a líder do ranking mundial também só perdeu oito games durante a primeira semana do torneio. Sua próxima adversária virá da partida entre a japonesa Naomi Osaka e a norte-americana Amanda Anisimova, que se enfrentam ainda nesta sexta-feira.

Vencedora de dois Grand Slam, Roland Garros em 2019 e Wimbledon no ano passado, Barty luta por um título inédito na Austrália. Sua melhor campanha no torneio foi uma semifinal há dois anos. Na temporada passada, ela parou nas quartas de final. A jogadora de 25 anos também tenta ser a primeira tenista da casa a vencer o torneio desde Chris O'Neil em 1978.

Barty abriu vantagem logo cedo, e contou com duas duplas faltas de Giorgi no mesmo game para já conquistar uma quebra e abrir 3/0 no placar. Em seus dois primeiros games de serviço, a australiana só havia perdido dois pontos. A sequência de cinco jogos seguidos sem sofrer quebras foi bastante ameaçada quando Barty vencia por 4/2 e teve que salvar quatro break-points, incluindo um 0-40. Mas Giorgi efetivamente só conseguiu disputar um desses pontos, quando arriscou uma devolução na paralela para um saque sem peso e de quique mais alto. A bola acabou saindo por pouco.

Depois disso, Barty forçou o saque e foi tão bem que a rival nem colocava a bola em quadra. No game seguinte, a australiana quebrou de novo e fechou o set. A número 1 do mundo só precisou de quatro winners, contra cinco de Giorgi, mas a italiana cometeu 16 erros não-forçados diante de apenas quatro. Já no segundo set, a líder do ranking só perdeu dois pontos em seus games de serviço e aproveitou o único break-point que teve. Ela terminou o jogo com 11 a 8 em winners e cometeu apenas 13 erros contra 24 da rival.

Comentários