Notícias | Dia a dia
Murray vence um set e se garante nas semifinais
13/01/2022 às 06h15

Sydney (Austrália) - O britânico Andy Murray não precisou vencer mais do que um set nesta quinta-feira para se garantir nas semifinais do ATP 250 de Sydney. Convidado da organização, ele levou a melhor na primeira parcial contra o belga David Goffin, marcando 6/2 em 46 minutos de disputa, e então viu o adversário desistir da partida.

Após avançar para a semi contando com a desistência do cabeça de chave número 8, Murray terá pela frente o potente saque do norte-americano Reilly Opelka, quarto mais bem cotado ao título, que derrubou o jovem compatriota Brandon Nakashima com 17 aces e 80% de aproveitamento com o serviço, anotando placar final de 7/6 (7-4) e 6/2, em 1h22 de jogo.

Logo na largada o ex-número 1 do mundo já tomou as rédeas do placar, faturando os três primeiros games com uma quebra de vantagem. Goffin não se abalou e tentou duas vezes devolver o break, uma no quinto game e outra no sétimo, mas em ambas as vezes não conseguiu. Murray então aproveitou o segundo dos dois break-points que teve no oitavo para fechar o set.

Murray não teve um desempenho tão bom com o saque no único set da partida (66%), mas do outro lado Goffin só venceu metade dos pontos de serviço. Mais agressivo, o britânico terminou o jogo com mais bolas vencedoras (12 a 5), mas também cometeu mais erros não forçados (15 a 7).

Do outro lado da chave, o russo Aslan Karatsev segue fazendo valer a condição de principal favorito para chegar à semifinal. Ele bateu o italiano Lorenzo Sonego, cabeça de chave 5, em três sets, com parciais de 6/2, 3/6 e 6/2, e agora vai esperar pelo vencedor do último jogo do dia, entre o britânico Daniel Evans e o embalado norte-americano Maxime Cressy, que vem de final na semana passada.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva