Notícias | Dia a dia
Tiley ainda espera contar com Djokovic no AO
09/01/2022 às 15h20

Djokovic é o atual campeão do Australian Open, tendo vencido até hoje todas as 9 finais disputadas

Melbourne (Austrália) - Apontado como um dos pivôs da confusão criada com a entrada de tenistas não vacinados na Austrália em desacordo com o regulamento federal, Craig Tiley, diretor do Australian Open, tentou se defender neste domingo e afirma que os departamentos do governo estão tentando um entendimento.

Segundo ele, a questão do visto oferecido para tenistas não vacinados mas que contraíram o coronavírus nos últimos seis meses - alternativa oferecida apenas a residentes no país e não aos estrangeiros - foi provocada por “informações contraditórias”.

Em uma entrevista à CNN News australiana, Tiley evitou culpar algum setor específico e afirma que a Tennis Australia mantém comunicação com o Ministério de Assuntos Internos da Austrália “todas as semanas” e que todas as partes envolvidas estão operando em um “ambiente muito desafiador”.

Tiley acrescentou que gostaria de ver Novak Djokovic jogar no Aberto da Austrália. O nº 1 do mundo aguarda num hotel reservado a refugiados uma audiência nesta segunda-feira que possa liberar seu visto e assim ele competir pelo 10º título do Australian Open e o 21º de Grand Slam. O torneio começa dentro de oito dias.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva