Notícias | Dia a dia
Espanha e Argentina têm vitórias fáceis na ATP Cup
01/01/2022 às 00h39

Sydney (Austrália) - Mesmo sem Rafael Nadal, que optou por jogar o 250 de Melbourne a partir de segunda-feira, a Espanha mostra que tem um time competitivo para a ATP Cup. Os experiente Pablo Carreño e Roberto Bautista não perderam sets e derrotaram o Chile por 2 a 0.

Carreno encontrou resistência no canhoto Alejandro Tabilo e chegou a ver o adversário sacar para o segundo set. Mas conseguiu reagir e marcou as parciais de 6/4 e 7/6 (7-4). Pouco depois, Bautista atropelou Cristian Garin com fáceis 6/0 e 6/3.

O grupo A tem também Sérvia e Noruega, que duelam entre si nesta madrugada. Com a desistência do número 1 Novak Djokovic, o time sérvio jogará com Filip Krajinovic e Dusan Lajovic, enquanto o time norueguês aposta tudo em Casper Ruud.

Argentina massacra
A Geórgia não foi páreo para a Argentina na abertura do Grupo D. Federico Delbonis passou por Aleksandre Metreveli, que não figura entre os top 500, e anotou 6/1 e 6/2. Em seguida, Diego Schwartzman impôs idêntico placar sobre Nikoloz Basilashvili, 22º do ranking e apenas nove postos atrás do adversário. Curiosamente, a dupla Maximo Gonzalez e Andres Molteni superou os desconhecidos Zura Tkemaladze e Saba Purtseladze também por 6/1 e 6/2.

Os outros integrantes do grupo são Grécia e Polônia, com duelo previsto para a madrugada. Stefanos Tsitsipas e Hubert Hurkacz são as estrelas de seus países, mas os poloneses possuem nomes secundários mais fortes.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva