Notícias | Dia a dia
Sandgren pede a renúncia do presidente da ATP
20/12/2021 às 13h25

Miami (EUA) - A polêmica afirmação do italiano Andrea Gaudenzi, atual presidente da ATP, que apontou o circuito challenger como não sustentável, servindo apenas de escada para os jogadores antes de chegarem nos principais torneios, causou revolta entre tenistas e demais pessoas ligadas ao tênis.

Depois de várias reclamações, coube ao norte-americano Tennys Sandgren a mais veemente posição sobre o que falou o mandatário da ATP. “Não importa se Gaudenzi está certo ou não, o que ele disse é terrível. Após essas palavras, deve ser despedido imediatamente”, escreveu o atual 96 do mundo no Twitter.

Entre os outros nomes que já criticaram a fala de Gaudenzi estão o canadense Vasek Pospisil, um dos idealizadores da Professional Tennis Players Association (PTPA), o australiano Paul McNamee, que já foi número 1 do mundo em duplas e ex-chefe do Australian Open, e o alemão Dustin Brown.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva