Notícias | Dia a dia
Klier celebra sua 1ª vitória em challenger em Brasília
23/11/2021 às 13h39

Klier recebe sete pontos na ATP por ter vencido na estreia em Brasília

Foto: Luiz Candido/CBT

Brasília (DF) - A terça-feira foi especial para Gilbert Klier Júnior, que venceu uma partida em chave principal de challenger pela primeira vez na carreira. Jogando em casa pelo Aberto da República, em Brasília, o jovem jogador de 21 anos e 416º do ranking aproveitou a oportunidade e venceu o colombiano vindo do quali Alejandro Gomez, 489º colocado, por 6/3 e 7/6 (7-4).

Klier está apenas uma posição abaixo do melhor ranking da carreira e vai receber mais sete pontos na ATP por ter vencido sua partida de estreia no torneio. Até então, o brasiliense só havia disputado três chaves principais de challenger na carreira. Já nos torneios de nível future do circuito da ITF, venceu 31 jogos na temporada e já conquistou quatro títulos na carreira, três deles só este ano, em Lima (Peru), Medellín (Colômbia) e Castelo Branco (Portugal).

Apesar de ter enfrentado quatro break-points em seus dois primeiros games de serviço, ambos muito longos, Klier conseguiu manter o saque e ainda quebrou duas vezes o serviço do colombiano para abrir 4/0 no placar. Mesmo perdendo uma das quebras de vantagem, o brasiliense soube administrar o placar até o fim do set. Na segunda parcial, Klier começou melhor e chegou a liderar por 4/1. Ele permitiu o empate no quarto game e salvou um set-point quando perdia por 6/5, antes de forçar o tiebreak e vencer o jogo.

Mateus Alves e José Pereira se despedem
Havia possibilidade de um confronto entre dois brasileiros nas oitavas de final, mas o paulista Mateus Alves foi eliminado ainda na rodada de estreia. Em jogo iniciado na última segunda-feira, mas retomado apenas nesta terça por causa da chuva, Alves perdeu para o argentino Pedro Cachin por duplo 7/5. O jovem paulista de 20 anos é o atual 497º do ranking, enquanto Cachin ocupa o 256º lugar aos 26 anos.

Outro brasileiro a se despedir do torneio ainda na estreia foi o pernambucano José Pereira, que entrou na chave como lucky-loser. O experiente jogador de 30 anos e 680º do ranking perdeu para o argentino Francisco Cerundolo, 115º do mundo e cabeça 4 do torneio, com parciais de 6/2 e 6/1. Cerundolo pode enfrentar Matheus Pucinelli, que estreia ainda nesta terça-feira contra o argentino Genaro Olivieri.

Comentários
Loja - camisetas
Arena BTG