Notícias | Dia a dia
China censura perfil de Naomi Osaka em rede social
18/11/2021 às 09h32

Pequim (China) - Enquanto ainda não se sabe o paradeiro da chinesa Shuai Peng, que segue desaparecida após acusar o ex-vice-premiê do país Zhang Gaoli de assédio sexual, o assunto vai ganhando cada vez mais desdobramentos.

Na última quarta-feira surgiu um suposto email da tenista divulgado pela mídia estatal chinesa, no qual Peng estaria negando as acusações feitas e garantindo estar bem. Contudo, a mensagem foi recebida com total desconfiança pelo mundo do tênis, inclusive pelo presidente da WTA Steve Simon.

+ Osaka e Djokovic prestam apoio a Shuai Peng
+ 'Peng não pode sofrer intimidação', diz CEO da WTA

Além do controverso email divulgado pela mídia estatal chinesa, outra atitude recente do governo do país foi censurar o perfil da japonesa Naomi Osaka na rede social Weibo, depois que a ex-número 1 do mundo e dona de quatro Grand Slam disse estar chocada com a situação.

Na quinta-feira, Nikkei encontrou atividades de censura no perfil de Osaka no Weibo, com comentários desativados em sua postagem mais recente, que não estava relacionada a Peng. Isso aconteceu depois que a japonesa escreveu para seus 1,1 milhão de seguidores no Twitter uma mensagem com a hashtag #WhereIsPengShuai.

Comentários
Loja - camisetas
Arena BTG