Notícias | Dia a dia
Henin: 'Djokovic merece reconhecimento maior'
09/11/2021 às 14h19

Paris (França) - Um dos principais nomes da história do tênis, o sérvio Novak Djokovic já é isolado o recordista de semanas como número 1 e também o tenista que mais vezes terminou uma temporada na liderança do ranking, além de estar empatado com Roger Federer e Rafael Nadal na disputa pelo recorde de títulos de Grand Slam.

Ainda assim, ele parece não ter o reconhecimento que merece. Em entrevista ao Eurosport, a belga Justine Henin cobrou que se dê o devido valor a tudo o que o sérvio tem feito. “Ele é totalmente único. Acho que é hora, embora muitas pessoas já o respeitem, que os demais reconheçam tudo o que ele já fez neste esporte”, defendeu a ex-número 1 do mundo.

“Precisam perceber tudo o que eles está conquistando. Você pode não gostar de Djokovic, e tem muita gente que não gosta dele por causa do caráter, mas o que fazendo na sua carreira é simplesmente espetacular, ele é um verdadeiro campeão”, complementou Henin.

+ Chiquinho: Djokovic coroa geração de tenistas geniais
+ Djokovic diz que quer ser treinador quando parar


O poder de recuperação e a força mental de Djokovic foram destacados pela belga. “Não há muitos tenistas que conseguem se recuperar de momentos ruins como ele. Todos sabem o que aconteceu no último US Open, quando foi derrotado por Medvedev, e também um ano atrás, quando teve uma desclassificação contra Carreño. Depois de tudo o que aconteceu, ele continuou lutando”, falou Henin.

“Djokovic foi então até a final de Roland Garros, no ano passado, e perdeu de maneira contundente para Nadal, mas ainda continuou trabalhando. Então venceu o Aberto da Austrália, Roland Garros e Wimbledon este ano. É incrível o que ele conseguiu”, acrescentou a ex-tenista profissional belga.

Ela acredita que a derrota na final do US Open foi necessária para permitir que Djokovic pudesse respirar e provar mais uma vez que é humano. “Talvez ele nunca tenha sido tão querido como na cerimônia de premiação. Não estou surpresa que tenha voltado em Paris, porque sempre quer bater todos os tipos de recordes. É sua verdadeira paixão”, finalizou Henin.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva