Notícias | Dia a dia
Acusado de violência e lesão corporal, Wild é indiciado
27/10/2021 às 10h46

Rio de Janeiro (RJ) - Acusado por sua ex-namorada, a biomédica e influenciadora digital Tayane Lima, de violência psicológica, injúria, ameaça e agressão, o paranaense Thiago Wild foi indiciado após investigação conduzida pela polícia do Rio de Janeiro, segundo noticiou o Globo Esporte.

Tayane já tem uma medida protetiva contra Wild, que foi proibido de se aproximar, e entrou com ação de danos materiais e morais contra o tenista. Ela alega que parou de trabalhar a pedido do ex-namorado e diz ter perdido contratos profissionais por conta do relacionamento.

A biomédica e influenciadora digital relata que a família de Wild teria oferecido apoio financeiro e psicológico, mas que não foi cumprido, e que o tenista apresentava comportamento agressivo. Por isso, levou o caso à Justiça.

+ Polícia investiga Wild por violência e lesão corporal
+ Thiago Wild se defende de recentes acusações

Wild respondeu às acusações de Tayane através de uma nota à imprensa, na qual se defendeu dizendo que foi vítima de calúnia e difamação. "As alegações são falsas, fabricadas e vingativas, não são de forma alguma reflexo de meu caráter”.

A reportagem do Globo Esporte teve acesso a parte do conjunto de evidências que Thayane e sua advogada, Gabriela Amábile, enviaram à delegada Giselle do Espírito Santo. Há imagens de conversas no WhatsApp com ofensas trocadas, fotos e registros de conversas captadas, sejam elas em áudios ou encontros pessoais.

Comentários
Loja - camisetas
Arena BTG