Notícias | Dia a dia
Osorio volta a surpreender e decide WTA no piso duro
23/10/2021 às 15h59

Maria Camila Osorio tenta conquistar seu segundo título de ATP aos 19 anos

Foto: MEF Tennis Events

Tenerife (Espanha) - A semana de Maria Camila Osorio no WTA 250 de Tenerife continua com ótimos resultados e a colombiana de 19 anos conquistou a quarta vitória seguida e garantiu vaga na decisão do torneio em quadras de piso duro. Osorio superou neste sábado a italiana Camila Giorgi, 36ª do ranking, por 6/4 e 7/5 em 1h34 de partida.

Algoz da número 6 do mundo e principal favorita Elina Svitolina na última quarta-feira, Osorio aparece atualmente no 63º lugar do ranking mundial, marca que é a melhor de sua carreira. Ela iniciou a temporada ocupando apenas a 186ª posição, mas evoluiu muito com resultados como o título do WTA de Bogotá, a semifinal em Belgrado e a chegada à terceira rodada em Wimbledon.

"Muito obrigada a todos pelo apoio. Sei que algumas pessoas estavam torcendo por ela, mas nós temos o mesmo nome. Então eu sentia que fosse para mim também (risos). A partida foi muito dura, muito intensa, eu nunca corri tanto na minha vida e estou super feliz por minha vitória de hoje", disse Osorio, na entrevista em quadra após a semifinal deste sábado em Tenerife.

"No começo do jogo ela estava sacando muito bem, sempre colocando o primeiro saque em quadra, então era difícil para devolver. Mas aos poucos eu fui encontrando o ritmo e comecei a jogar cada vez melhor. E quando tive a chance, consegui quebrar o saque dela. Então acho que essa foi a chave para vencer hoje", acrescentou a colombiana, que fez o mesmo número de winners que a rival, 19 para cada uma, e cometeu 33 erros contra 42 da rival.

Duelo da nova geração na final deste domingo
A adversária de Osorio na final será a norte-americana Ann Li, de 20 anos e 60ª do ranking, que derrotou a francesa Alizé Cornet por 6/2 e 6/1 em 1h23. "Nunca joguei contra ela, mas já treinamos juntas uma vez. Mas vai ser um jogo divertido e duro, como são todas as partidas. Espero que eu possa aproveitar a oportunidade e jogar ponto a ponto", avaliou Osorio, projetando o duelo contra a norte-americana neste domingo.

Li busca seu primeiro título de WTA e alcança sua segunda final no circuito. A primeira foi em um WTA 500 em Melbourne, na semana anterior ao Australian Open, mas ela sequer teve como disputar a partida contra Anett Kontaveit, por conta do atraso na programação ao longo da semana. Dessa forma, as duas jogadoras ficaram com pontos e premiação de vice-campeonato.

"Tem sido um ano interessante, mas acho que fui ficando mais forte mentalmente, fisicamente e em geral meu jogo. Então estou animada para jogar amanhã e espero poder jogar meu melhor tênis", comenta a jovem norte-americana, que marcou sua segunda vitória em três jogos contra Cornet. "Eu sabia que tinha que ser agressiva do início ao fim. Ela sempre devolve muitas bolas, então é preciso ser paciente também. Isso fez a diferença hoje".

Eikeri e Perez conquistam o título de duplas

A final de duplas aconteceu neste sábado e o título ficou com a norueguesa Ulrikke Eikeri e a australiana Ellen Perez, que venceram as ucranianas Lyudmyla Kichenok e Marta Kostyuk por duplo 6/3 em 1h10 de partida. Eikeri, de 28 anos, conquistou seu primeiro título de duplas no circuito da WTA, enquanto a canhota Perez, de 26 anos, tem agora três títulos deste nível.

Comentários
Loja - camisetas
Arena BTG