Notícias | Top Spin
Fundação Feminina de Esportes premia ativismo de Osaka
23/10/2021 às 09h15

Nova York (EUA) – Na noite do dia 13 deste mês, a Fundação Feminina de Esportes (Women's Sports Foundation) comemorou as realizações extraordinárias de atletas e líderes no esporte feminino em seu evento anual. Entre as homenageadas estava a tenista Naomi Osaka, bicampeã do US Open (2018 e 2020) e do Aberto da Austrália (2019 e 2021) e ex-líder do ranking mundial. A japonesa foi premiada por seu ativismo em favor da justiça social e da saúde mental.

Osaka ganhou o Prêmio Wilma Rudolph de Coragem, que é concedido a uma atleta ou equipe que exibe coragem extraordinária em seu desempenho atlético, demonstra a habilidade de superar adversidades, faz contribuições significativas para os esportes e serve como um modelo.

A Fundação Feminina de Esportes foi criada em 1974 por Billie Jean King que afirma que a entidade “é uma aliada, defensora e catalisadora para que meninas e mulheres alcancem seu maior potencial no esporte e na vida.”

Em um ano que viu as primeiras treinadoras ganharem o Super Bowl, uma ex-jogadora da WNBA tornar-se coproprietária da franquia e as mulheres da equipe dos EUA e do Brasil, em Tóquio, ganhando quase 60% das medalhas olímpicas e paraolímpicas da equipe nacional, há muito celebrar.

Comentários
Loja - camisetas
Arena BTG