Notícias | Dia a dia
Vacinação obrigatória para tenistas jogarem o AO
20/10/2021 às 09h37

Melbourne (Austrália) - O ministro australiano da imigração Alex Hawke colocou um ponto final nas especulações sobre o que será cobrado dos tenistas que quiserem disputar o Australian Open de 2022. Nesta quarta-feira, ele afirmou que a vacinação com duas doses será obrigatória a todos os visitantes da Austrália e não haverá exceções para jogadores de tênis.

“O governo, ao estabelecer suas fronteiras, disse que você precisará ser vacinado duas vezes para visitar a Austrália. Essa é uma aplicação universal, não apenas para jogadores de tênis. Quero dizer que todos os visitantes da Austrália precisarão ser vacinados com as duas doses”, disse Hawke em entrevista à rádio ABC.

+ Djokovic define calendário, mas é dúvida para o AO
+ Quase metade do top 100 ficaria fora da Austrália
+ Tsitsipas muda de ideia e agora diz que irá se vacinar

Atual campeão do Grand Slam australiano, o sérvio Novak Djokovic não foi esquecido na conversa, com o ministro sendo questionado sobre a posição do número 1 do mundo de não querer ser obrigado a se vacinar. “Eu não tenho uma mensagem para Novak. Tenho uma mensagem para todos que desejam visitar a Austrália: precisam estar vacinados com as duas doses”, disse Hawke.

O ministro da saúde Greg Hunt garantiu que as regras foram feitas para proteger os australianos. “Elas se aplicam a todos, sem medo ou favorecimento. Não importa se você é o número 1 do mundo ou qualquer outra coisa”, disse ele em entrevista coletiva na quarta-feira.

+ Chardy encerra a temporada após reação à vacina
+ Azarenka defende vacinação obrigatória dos tenistas
+ Cash pede aos jovens tenistas que não se vacinem

A determinação não é unanimidade lá na Austrália. O político Matt Canavan disse que Djokovic deveria ter permissão para entrar porque ele já foi contaminado pelo coronavírus. "Essas regras estão erradas. Não estou dizendo que deveria ser uma regra para Novak, deveria ser uma regra para todos. Se você teve COVID e tem imunidade natural, está em melhor situação", disse o senador ao Nine's Today Show.

O presidente da Associação Médica Australiana de Victoria, Dr. Roderick McRae, discordou. “Eu entendo que ele tenha contraído o corinavírus, mas, acredite ou não, a imunidade da vacinação é melhor do que a imunidade de quem já contraiu a doença”, argumentou.

Comentários
Loja - camisetas
Arena BTG