Notícias | Dia a dia
Basilashvili surpreende Tsitsipas e faz sua 1ª semi
15/10/2021 às 17h33

Basilashvili nunca havia passado das quartas de final de um Masters 1000

Foto: Divulgação

Indian Wells (EUA) - Pela primeira vez em sua carreira profissional, Nikoloz Basilashvili disputará uma semifinal de Masters 1000. O georgiano de 29 anos e 36º do ranking superou nesta sexta-feira o grego Stefanos Tsitsipas, número 3 do mundo, por 6/4, 2/6 e 6/4 em 2h09 de partida.

Esta foi a primeira vitória de Basilashvili em três jogos contra Tsitsipas no circuito profissional e o georgiano anotou seu sexto triunfo contra top 10 na carreira e o segundo na temporada. Ele nunca havia chegado sequer às quartas de final de um Masters 1000 e também nunca havia vencido um jogo na chave principal de Indian Wells em três participações.

Na atual temporada, Basilashvili já conquistou os torneios de Munique e Doha. Ele tem cinco títulos de ATP e tenta alcançar sua oitava final na carreira. Com 31 vitórias no ano, o ex-número 16 já faz um ano bem melhor que o de 2020, quando venceu apenas quatro partidas, sofreu 11 derrotas seguidas e ainda começou a responder na Justiça um processo por violência doméstica.

O próximo adversário de Basilashvili virá do jogo entre o alemão Alexander Zverev e o norte-americano Taylor Fritz. O georgiano tem uma vitória e três derrotas contra Zverev, e venceu apenas um dos três jogos que fez contra Fritz no circuito.

Com jogo bastante agressivo desde o início, Basilashvili fez 28 a 17 no placar de winners e cometeu 42 erros não-forçados contra 21 de Tsitsipas. A partida teve oito quebras de serviço, quatro para cada lado e o grego fez 10 a 5 em aces. Curiosamente, o Tsitsipas venceu mais pontos na partida, 89 a 86.

Apesar da tentativa de Basilashvili de definir rapidamente os pontos, Tsitsipas teve vantagem nos ralis mais curtos, com até cinco trocas. Ele fez 52 a 45, além de 29 a 24 nos pontos com até nove trocas. Já o georgiano prevaleceu nos ralis mais longos, 16 a 10.

O começo da partida não poderia ser melhor para Basilashvili, que conseguiu duas quebras seguidas e abriu 4/1 no placar do primeiro set. Tsitsipas teve apenas dois break-points durante a parcial e, no máximo, conseguiu devolver uma das quebras. No segundo set, o grego foi bem melhor, quebrou duas vezes e só perdeu seis pontos em seu saque. Já na parcial decisiva, Basilashvili abriu 2/0, cedeu o empate, mas voltaria a quebrar no sétimo game, antes de definir a disputa em seu serviço.

Comentários
Loja - camisetas
Arena BTG