Notícias | Dia a dia
Brasil disputa 9º lugar na Davis Jr, França e Rússia na final
02/10/2021 às 14h35

Brasil encerra a participação na Davis Júnior neste domingo contra a Bulgária

Foto: Divulgação/CBT

Antalya (Turquia) - O Brasil venceu seu terceiro confronto na Copa Davis Júnior e vai disputar o nono lugar da classificação geral em Antalya, na Turquia. Neste sábado, os brasileiros venceram a equipe da casa por 3 a 0 e vão enfrentar a Bulgária no domingo no último dia da competição para tenistas de até 16 anos.

A vitória sobre a equipe turca começou com Luis Felipe Carvalho superando Onder Balci por 6/2 e 6/4. Na sequência, foi a vez de Matheus Lima vencer Atakan Karahan por 6/1 e 6/0. Nas duplas, Henrique Brito e Luis Felipe Carvalho marcaram um duplo 6/2 Balci e Karahan.

Durante a primeira fase da Copa Davis Júnior, o Brasil ficou em terceiro lugar do Grupo C, que também contava com Alemanha, Argentina e Coreia do Sul e não conseguiu se classificar para as quartas de final. Por isso, a equipe brasileira foi para a disputa de um playoff que define do 9º ao 16º lugar do evento.

Em sua última participação na Copa Davis Júnior, o Brasil havia ficado em sétimo lugar com uma equipe formada por Bruno Oliveira, Natan Rodrigues e Pedro Boscardin. Outros bons resultados recentes foram o quinto lugar em 2014, com Orlando Luz, Felipe Meligeni e Lucas Koelle, além da quarta posição com 2007, com equipe formada por Andrez Pereira, Bernardo Lipschitz e Idio Escobar.

Finais da Davis e Billie Jean King Júnior serão no domingo
A final da Copa Davis Júnior será entre Rússia e França neste domingo. Os franceses possuem quatro títulos na competição, sendo os três primeiros em 1992, 1993 e 1996, enquanto o último foi em 2005. Já a Rússia conquistou a competição em 2016 e tem ainda um título da União Soviética em 1990.

Os russos venceram a semifinal contra a Argentina: Yaroslav Demin superou Juan Estevez por 2/6, 6/4 e 6/2, enquanto Maxim Zhukov bateu Gonzalo Zeitune por 6/2 e 6/3. Já os franceses bateram o México por 2 a 1. Arthur Gea bateu Sebastian Medica por 6/1 e 6/2, Rodrigo Pacheco empatou a série. Nas duplas, os franceses Arthur Gea e Antoine Ghibaudo garantiram a vaga na final após vencrem Luca Lemaitre e Rodrigo Pacheco por 6/2 e 6/3.

Já pela Copa Billie Jean King Júnior, a decisão será entre Japão e República Tcheca. As japonesas lutam por um título inédito, enquanto as tchecas venceram três edições do evento, em 2000, 2001 e 2015. Na última conquista, a hoje medalhista olímpica de prata Marketa Vondrousova estava em quadra.

A equipe tcheca contou com a promessa de 14 anos Brenda Fruhvirtova na semifinal contra a Alemanha. Ela superou Marie Vogt por 6/3 e 6/0. Na sequência, Sara Bejlek derrotou a alemã Ella Seidel por 7/5, 1/6 e 6/2 para fechar a séria. Já o Japão venceu a Rússia por 2 a 1. Elena Pridankina derrotou Ena Koike por 6/4 e 6/2, Sayaka Ishii empatou a série ao vencer o jogo contra Yaroslava Bartashevich por 3/6, 6/3 e 6/0. Nas duplas, Sayaka Ishii e Sara Saito venceram Anastasiia Gureva e Elena Pridankina por 6/4 e 6/0.

Comentários
Loja - camisetas
Arena BTG