Notícias | Dia a dia
Raducanu recebe convite e disputa Indian Wells
28/09/2021 às 18h47

Torneio de Indian Wells será apenas o quinto de Raducanu na elite do circuito

Foto: Arquivo

Indian Wells (EUA) - Depois de sofrer com as baixas de Naomi Osaka e Ashleigh Barty, a organização do WTA 1000 de Indian Wells anunciou uma boa notícia nesta terça-feira. A campeã do US Open Emma Raducanu recebeu convite e disputará o torneio que começa na quarta-feira da semana que vem.

Raducanu, de apenas 18 anos, está com o melhor ranking da carreira, ocupando atualmente o 22º lugar. A britânica veio do quali durante o Grand Slam nova-iorquino e venceu dez jogos seguidos sem perder nenhum set. Na última sexta-feira, anunciou o fim da parceria com o técnico Andrew Richardson e afirmou que planeja buscar um treinador com maior experiência na elite do circuito.

O torneio de Indian Wells será apenas o quinto que Raducanu disputa na elite do circuito. A britânica havia recebido convite para Nottingham e Wimbledon, chegando às oitavas de final no Grand Slam londrino. Por conta dos bons resultados recentes, foi convidada também para o WTA 500 de San Jose. Em franca evolução no circuito, tentou o quali do US Open e deu início à sua incrível campanha até o título.

Kenin desiste do torneio
Também nesta terça-feira, a norte-americana Sofia Kenin anunciou sua desistência da competição, dando continuidade a um ano muito complicado no circuito. A atual número 8 do mundo teve uma apendicite durante o Australian Open, onde defendia o título, encerrou a parceria com o pai e treinador, Alexander Kenin, sofreu uma lesão no pé que a tirou de torneios importantes no segundo semestre e foi diagnosticada com Covid-19 às vésperas do US Open. Até por isso está sem jogar desde Wimbledon. Ela também perderá em outubro os pontos do vice-campeonato de Roland Garros de 2020, deixando o grupo das dez melhores do mundo.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva